Exportar registro bibliográfico

Estudo estrutura-atividade das ações pró-oxidante e antioxidante de isocumarinas sobre as mitocôndrias (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: HELENA, ANAÍSA FERNANDES CALGARO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: MITOCÔNDRIAS; METABOLISMO; BIOENERGÉTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Apenas a pepalantina foi um efetivo indutor da TPM e da oxidação de grupos sulfidris das proteínas; este, diferentemente do inchamento mitocondrial, foi independente de 'Ca POT. 2+' e não sensível a inibição por CsA. A pepalantina liberou 'Ca POT. 2+' a partir da mitocôndria, o qual foi 50% sensível a inibição por CsA, demonstrando ser parcialmente associado a TPM. As isocumarinas também depletaram ATP mitocondrial, independente da presença de 'Ca POT. 2+', tendo a pepalantina sido a mais efetiva. A vioxantina foi um efetivo inibidor da TPM e da oxidação de grupos sulfidril de proteínas. Todas as isocumarinas se inseriram na porção hidrofóbica da membrana mitocondrial; entretanto, somente a pepalantina dímero e vioxantina diminuíram a sua fluidez. Uma reação direta com os grupos sulfidril de proteínas da membrana mitocondrial, envolvendo a oxidação dos mesmos, é proposta para a indução da TPM por pepalantina, enquanto que a restrição da oxidação desses mesmos grupos pela diminuição da fluidez de membrana, é proposta para inibição da TPM por vioxantina. Foi avaliada ainda a capacidade antioxidante das isocumarinas nas concentrações de 1-50 'mü'mol/L tanto em mitocôndrias isoladas de fígado de rato quanto em sistemas livres de mitocôndrias. A pepalantina e o seu dímero, mas não a vioxantina, foram efetivos na redução do radical estável 2,2-difenil-1-picrilhidrazil (DPPH) e seqüestro do ânion superóxido em sistemas não mitocondriais, eprotegeram a mitocôndria contra o acúmulo de 'H IND. 2''O IND. 2' induzido por tert-butil hidroperoxido e peroxidação de lipídeos da membrana mitocondrial induzida por 'Fe POT. 2+'-citrato. Esses resultados indicam a pepalantina, seguida do seu dímero, como potentes agentes protetores, aparentemente pelo seqüestro do ânion superóxido, contra condições de estresse oxidativo impostas sobre a mitocôndria, a mais importante fonte e alvo intracelular de espécies reativas de oxigênioMitocôndrias isoladas podem sofrer desacoplamento, e na presença de 'Ca POT. 2+' sob diferentes condições, uma Transição de permeabilidade mitocondrial (TPM) associada à oxidação de grupos sulfidril de proteínas da membrana e inchamento mitocondrial sensível a inibição por ciclosporina A (CsA); a TPM pode causar morte celular por necrose ou apoptose. Isocumarinas isoladas a partir da Paepalanthus bromelioides (Eriocaulaceae) - pepalantina [(9,10-dihidroxi-5,7-dimetoxi-1H-nafto (2,3c) pirano-1-ona)], 8,8'-pepalantina dímero e vioxantina - foram estudadas nas concentrações de 1-50 'mü'mol/L em mitocôndrias isoladas de fígado de rato com relação a respiração mitocondrial, dissipação do potencial de membrana, liberação de 'Ca POT. 2+', TPM, oxidação de grupos sulfidriil de proteínas, depleção de ATP e interação/alteração na fluidez na membrana mitocondrial utilizando a sonda 1,6-difenil-1,3,5-hexatrieno (DPH). As isocumarinas não afetaram significativamente a respiração de estado 3 em mitocôndrias energizadas com succinato; entretanto, elas estimularam a respiração do estado 4, indicando desacoplamento mitocondrial. A indução da TPM e a oxidação de grupos sulfidril de proteínas foram avaliadas em mitocôndrias energizadas com succinato expostas a 'Ca POT. 2+' 10 'mü'mol/L, e a inibição desses processos foi avaliada em organelas sob condições energizadas e não energizadas na presença de t-butil hidroperoxido 300 'mü'mol/L e 'Ca POT. 2+' 500 'mü'mol/L.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 26.05.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CALGARO-HELENA, Anaísa Fernandes; CURTI, Carlos. Estudo estrutura-atividade das ações pró-oxidante e antioxidante de isocumarinas sobre as mitocôndrias. 2008.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008.
    • APA

      Calgaro-Helena, A. F., & Curti, C. (2008). Estudo estrutura-atividade das ações pró-oxidante e antioxidante de isocumarinas sobre as mitocôndrias. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Calgaro-Helena AF, Curti C. Estudo estrutura-atividade das ações pró-oxidante e antioxidante de isocumarinas sobre as mitocôndrias. 2008 ;
    • Vancouver

      Calgaro-Helena AF, Curti C. Estudo estrutura-atividade das ações pró-oxidante e antioxidante de isocumarinas sobre as mitocôndrias. 2008 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021