Exportar registro bibliográfico

Avaliação do tratamento de úlceras venosas crônicas com fototerapia (LEDs) e sulfadiazina de prata a 1% (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: CAETANO, KELLY STEINKOPF - BIOENG
  • Unidade: BIOENG
  • Subjects: ÚLCERA; CICATRIZAÇÃO; FOTOTERAPIA; LASER NÃO CIRÚRGICO; DIAGNÓSTICO POR COMPUTADOR
  • Language: Português
  • Abstract: Úlcera venenosa é o tipo de úlcera mais freqüente nos membros inferiores, conseqüente à insuficiência venosa crônica. Há várias condutas terapêuticas para o seu tratamento, desde terapias tópicas como a sulfadiazina de prata a 1% a aparelhos bioestimuladores como fototerapia, ultra-som e outros. A fototerapia por laser ou LEDs (diodos emissores de luz) tem sido estudada principalmente como método bioestimulador para o reparo tecidual e alívio da dor. O presente estudo tem como objetivo analisar a eficácia do tratamento com fototerapia (LEDs) associado ao curativo diário de sulfadiazina de prata a 1% creme (SDZ) em pacientes com úlceras venosas crônicas. Estudo randomizado, duplo-cego, no qual foi utilizado aparelho de fototerapia (Dynatron 880 Infrared Therapy Probe - Dynatron Solaris) contendo 2 sondas de conformação idêntica, cujas especificidades foram reveladas apenas ao final do estudo: sonda 1 (1 LED de 644 nm, 18 mW, 1,12 J/'CM POT.2') e sonda 2 (1 LED de 641 nm e 32 LEDs de 891 nm; 131 mW; 1,57 J/'CM POT.2'). Foram selecionados 20 pacientes com 32 úlceras venosas crônicas, atendidos no ambulatório de úlceras da dermatologia do CSE-FMRP-USP, das quais se constituíram 3 grupos (G) distintos pela forma de tratamento: G1-sonda 1 e SDZ; G2-sonda 2 e SDZ e G3-somente SDZ, seguidos por 90 dias. Após a assepsia das úlceras, as sondas foram aplicadas pontualmente sobre a ferida protegida com PVC, a 1,5 J/'CM POT.2', durante 30 seg/5 'CM POT.2', 2x/semana, eposterior curativo com SDZ. Quinzenalmente, as úlceras foram fotografadas digitalmente e suas imagens avaliadas por meio do software Image J (marca registrada), para mensuração das áreas total, de tecido de granulação (cor vermelha) e de esfacelo/fibrina (cor amarela). Foram calculados os índices de cicatrização das úlceras (ICU) pela fórmula [(ICU=Ai-Af)/Ai], sendo Ai (área inicial) e Af (área final). Os ICUs médios do G2 foram de 0,3 e 0,5 no 30º e 90º ) dias com redução significante das áreas ulceradas (p<0,01), quando comparado ao G3 com ICUs médios de -0,08 e -0,03 respectivamente. No G1, apenas no 90º dia, o ICU médio (0,42) foi diferente do G3 (-0,03), sendo p<0,01. Ao considerar a freqüência das úlceras pequenas com ICU '> OU =' 0,4, o G2 teve esse índice alcançado por 75% das úlceras no 30º e no 90º dias, enquanto o G1 o atingiu em 33% das úlceras somente no 60º dia. À análise espectofotométrica no final do estudo, observou-se que os LEDs de 641 nm não emitiam luz eficaz na sonda 2, a qual se constituía essencialmente de LEDs de 891 nm. Os resultados obtidos demonstraram que a fototerapia LED 891 nm acelerou o processo cicatricial das úlceras venosas crônicas em relação ao LED 644 nm e, ambos, em relação à sulfadiazina de prata a 1%, corroborando as evidências de vários estudos in vivo e in vitro sobre o uso de fototerapia (laser e LEDs) de 600 a 1000 nm no reparo tecidual. Desta forma, a fototerapia por LEDs mostrou-se como um bom métodofísico, bioestimulador, não invasivo e coadjuvante aos tratamentos convencionais para úlceras venosas, como a sulfadiazina de prata a 1%
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.04.2008
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CAETANO, Kelly Steinkopf; FRADE, Marco Andrey Cipriane. Avaliação do tratamento de úlceras venosas crônicas com fototerapia (LEDs) e sulfadiazina de prata a 1%. 2008.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/82/82131/tde-20062008-155600/ >.
    • APA

      Caetano, K. S., & Frade, M. A. C. (2008). Avaliação do tratamento de úlceras venosas crônicas com fototerapia (LEDs) e sulfadiazina de prata a 1%. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/82/82131/tde-20062008-155600/
    • NLM

      Caetano KS, Frade MAC. Avaliação do tratamento de úlceras venosas crônicas com fototerapia (LEDs) e sulfadiazina de prata a 1% [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/82/82131/tde-20062008-155600/
    • Vancouver

      Caetano KS, Frade MAC. Avaliação do tratamento de úlceras venosas crônicas com fototerapia (LEDs) e sulfadiazina de prata a 1% [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/82/82131/tde-20062008-155600/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021