Exportar registro bibliográfico

Comparação entre o crescimento de Unidades Formadoras de Colônias (UFC) de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae e a sensibilidade destas cepas ao processo de pasteurização lenta (2008)

  • Authors:
  • USP affiliated author: FREITAS, GISELE DIAS DE - FMVZ
  • School: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VPS
  • Subjects: STAPHYLOCOCCUS; PASTEURIZAÇÃO; MASTITE ANIMAL
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: O leite pode ser considerado um dos alimentos mais completos por apresentar alto teor de proteínas e sais minerais, porém, também é considerado excelente meio de cultura para microrganismos. Objetivos: Identificar o número de UFC de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae, cultivados isoladamente ou em associação, em leite integral estéril, a 6 POT. o'C, 27 POT. o'C e 37 POT. o'C e descrever a curva de morte térmica, quando submetidas ao processo de pasteurização lenta isoladamente ou em associação. Material e Métodos: Avaliação através da contagem das UFC, do comportamento de Staphylococcus spp. e K. pneumoniae, isoladas de tanque de refrigeração de leite, submetidas a temperaturas que simulam o leite em condições de refrigeração (6 °C), condições ambientais (25 °C) e na temperatura ideal de crescimento de patógenos mesófilos (36°C). Avaliação da sensibilidade de Staphylococcus spp. e K. pneumoniae isoladas e em associações ao processo de pasteurização lenta. Resultados: Na escala 1 de Mac Farland a média de UFC de K. pneumoniae foi maior que a de Staphylococcus spp. A 6 °C as bactérias no leite, isoladas ou em associação crescem na mesma velocidade. A 25 °C a K. pneumoniae cresce mais que o Staphylococcus spp. A 25 °C K. pneumoniae associada ao Staphylococcus spp. cresce mais do que quando encontra-se isolada. A 36 °C K. pneumoniae associada ao Staphylococcus spp. cresce mais do que quando encontra-se isolada e ainda mais que a 25 °C. Apasteurização lenta foi efetiva, pois reduziu em no mínimo 90% as UFC no leite após 30 minutos a 65 °C. Conclusão: a medida que aumenta a temperatura, até 36 °C, a Klebsiella pneumoniae apresenta crescimento superior ao Staphylococcus spp., a contaminação de leite por Klebsiella pneumoniae (contaminação ambiental) irá influenciar mais na qualidade do produto final, comparando-se à contaminação por Staphylococcus spp., oriundo de ) mastite e a interação de microrganismos altera a morte dos mesmos, recomendando-se que novos estudos sejam realizados para que se entenda melhor esse processo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.02.2008
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FREITAS, Gisele Dias de; BENITES, Nilson Roberti. Comparação entre o crescimento de Unidades Formadoras de Colônias (UFC) de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae e a sensibilidade destas cepas ao processo de pasteurização lenta. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-28032008-113634/ >.
    • APA

      Freitas, G. D. de, & Benites, N. R. (2008). Comparação entre o crescimento de Unidades Formadoras de Colônias (UFC) de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae e a sensibilidade destas cepas ao processo de pasteurização lenta. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-28032008-113634/
    • NLM

      Freitas GD de, Benites NR. Comparação entre o crescimento de Unidades Formadoras de Colônias (UFC) de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae e a sensibilidade destas cepas ao processo de pasteurização lenta [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-28032008-113634/
    • Vancouver

      Freitas GD de, Benites NR. Comparação entre o crescimento de Unidades Formadoras de Colônias (UFC) de Staphylococcus spp. e Klebsiella pneumoniae e a sensibilidade destas cepas ao processo de pasteurização lenta [Internet]. 2008 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10134/tde-28032008-113634/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020