Exportar registro bibliográfico

Contratos futuros na BMSP: uma história em três atos (1917-1991) (2008)

  • Autor:
  • Autor USP: MELLO, PEDRO CARVALHO DE - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LES
  • Subjects: ALGODÃO; BOLSA DE MERCADORIAS; INDÚSTRIA AGRÍCOLA; EXPORTAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: A BMSP (Bolsa de Mercadorias de São Paulo) foi a primeira bolsa moderna de mercadorias no Brasil. Fundada em 1917, encerrou suas atividades em 1991, devido à fusão com a BM&F (atual Bolsa de Mercadorias&Futuros). São Paulo era o estado agrícola mais importante do Brasil na época de criação da bolsa, e entre seus fundadores estavam importantes homens de negócios da indústria, finanças, comércio e governo, além de produtores rurais. Durante 75 anos a BMSP teve um papel importante em todos os aspectos da produção e comercialização do algodão. O principal objetivo da BMSP foi desenvolver negócios de futuros no mercado de algodão, pois naquela época o Brasil já contava com um forte segmento de indústria e exportação com base nesse produto. Durante sua existência, o número de contratos futuros negociado na BMSP mostrou enormes flutuações, com alguns anos quase sem negócios, e em outros com um volume de contratos representando quantidades superiores à própria safra. Em geral, a BMSP, durante os anos de funcionamento, mostrou um período inicial de crescimento, seguido por duas décadas (30 e 40) de grande expansão, e um posterior acentuado declínio, com grandes oscilações nos negócios de futuros. O objetivo geral desse trabalho é escrever uma história econômica da BMSP, com quarto objetivos: (i) desenvolvimento teórico de usar um estudo de caso de longa duração com a finalidade de investigar as razões pelas quais um contrato de futuros se torna viável e adquire liquidez demodo sustentável; (ii) O Brasil tem um forte segmento de agro negócios, e é importante possuir uma visão de longo prazo do desenvolvimento do mercado de derivativos no País; (iii) A BMSP se envolveu em um extenso rol de atividades, em adição à negociação de contratos futuros. Essas atividades - várias delas nas áreas de educação, inovação de produtos, desenvolvimento institucional, descoberta de novas tecnologias- foram feitas como uma maneira de ) fomentar o negócio de futuros na bolsa. Portanto, esse estudo pode ser importante para investigar o rol de atividades - em comparação com economias desenvolvidas - que são necessárias a fim de se criar uma bolsa de derivativos Num país emergente, e pode oferecer uma perspectiva internacional comparativa; (iv) estudar o impacto de fatores externos macroeconômicos e institucionais e os fatores internos da arquitetura organizacional e do processo de tomada de decisões da Bolsa, com o foco nas causas do crescimento e decadência da negociação com contratos de algodão
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.03.2008

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MELLO, Pedro Carvalho de. Contratos futuros na BMSP: uma história em três atos (1917-1991). 2008.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2008.
    • APA

      Mello, P. C. de. (2008). Contratos futuros na BMSP: uma história em três atos (1917-1991). Universidade de São Paulo, Piracicaba.
    • NLM

      Mello PC de. Contratos futuros na BMSP: uma história em três atos (1917-1991). 2008 ;
    • Vancouver

      Mello PC de. Contratos futuros na BMSP: uma história em três atos (1917-1991). 2008 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021