Exportar registro bibliográfico


Metrics:

Avaliação do controle e vigilância do hospedeiro intermediário do Schistosoma mansoni, no Vale do Ribeira, e observações do seu parasitismo (2008)

  • Authors:
  • Autor USP: GUIMARãES, MARISA CRISTINA DE ALMEIDA - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HEP
  • DOI: 10.11606/T.6.2008.tde-02042008-152803
  • Subjects: ECOLOGIA DE VETORES; BIOMPHALARIA; RELAÇÕES HOSPEDEIRO-PARASITA; TRANSMISSÃO DE DOENÇAS; SCHISTOSOMA MANSONI; DOENÇAS PARASITÁRIAS (PREVENÇÃO E CONTROLE); ESQUISTOSSOMOSE MANSONI (EPIDEMIOLOGIA;TRANSMISSÃO); VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução - A esquistossomose é uma parasitose de grande relevância para a saúde pública. O Estado de São Paulo tem um perfil de baixa endemicidade, com transmissão focal. A região do Vale do Ribeira é uma das principais áreas endêmicas do Estado, e desde a década de 1980 se investiu muito em controle e vigilância da esquistossomose, principalmente em Itariri e Pedro de Toledo. Apesar dos esforços, verifica-se que antigas coleções hídricas com moluscos parasitados permanecem na região. Aspectos relativos ao hospedeiro intermediário da região suscitam considerações sobre os efeitos da infecção parasitária sobre sua biologia. Objetivos - Avaliar os dados de controle e vigilância do hospedeiro intermediário, em municípios do Vale do Ribeira, e observar os efeitos da infecção parasitária em Biomphalaria tenagophila de Itariri. Metodologia - Foram levantados dados epidemiológicos da esquistossomose, do período de 1981 a 2006, e dados das pesquisas planorbídicas, do período de 1997 a 2006, em municípios do Vale do Ribeira. Um estudo experimental foi conduzido para verificar os efeitos da infecção parasitária em espécimes de Biomphalaria tenagophila, procedentes de Ana Dias, Itariri. Delineamento experimental: 69 moluscos da geração (P) de laboratório formaram grupos controles e experimentais. Os moluscos experimentais se submeteram à infecção com 10 miracídios do Schistosoma mansoni - linhagem SJ.Variáveis observadas: fecundidade, mortalidade, tamanho e eliminação de cercárias. Análise histológica foi realizada em moluscos parasitados para verificar os efeitos da infecção. Resultados - constatou-se que nos últimos 10 anos Itariri, Pedro de Toledo e Miracatu continuam sendo os principais municípios com importância epidemiológica para esquistossomose. Pesquisa planorbídica: houve um aumento das coleções hídricas com presença de moluscos parasitados, em Itariri, e ) diminuição em Pedro de Toledo; houve um aumento na taxa de infecção dos moluscos de Itariri e Pedro de Toledo, nos últimos cinco anos; Infecção experimental: foram observados nos moluscos infectados, deformação nas conchas, maior mortalidade e diminuição da fecundidade na fase patente; a taxa de infecção foi de 59 %. O exame histológico revelou presença de esporocistos secundários e cercárias. Concluiu-se que houve uma evolução no potencial de riscos de transmissão da esquistossomose, em vários municípios do Vale do Ribeira, especialmente nos municípios de Itariri e Pedro de Toledo, que aliada à adaptação existente entre hospedeiro e parasita poderá levar a um aumento da transmissão do Schistosoma mansoni. Recomenda-se um trabalho de vigilância epidemiológica integrado com SUCEN e grupos técnicos da VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA do Vale do Ribeira.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 31.01.2008
  • Acesso à fonteDOI
    Informações sobre o DOI: 10.11606/T.6.2008.tde-02042008-152803 (Fonte: oaDOI API)
    • Este periódico é de acesso aberto
    • Este artigo é de acesso aberto
    • URL de acesso aberto
    • Cor do Acesso Aberto: gold

    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GUIMARÃES, Marisa Cristina de Almeida; NATAL, Delsio; KAWANO, Toshie. Avaliação do controle e vigilância do hospedeiro intermediário do Schistosoma mansoni, no Vale do Ribeira, e observações do seu parasitismo. 2008.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008. Disponível em: < https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6132/tde-02042008-152803/pt-br.php > DOI: 10.11606/T.6.2008.tde-02042008-152803.
    • APA

      Guimarães, M. C. de A., Natal, D., & Kawano, T. (2008). Avaliação do controle e vigilância do hospedeiro intermediário do Schistosoma mansoni, no Vale do Ribeira, e observações do seu parasitismo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6132/tde-02042008-152803/pt-br.php
    • NLM

      Guimarães MC de A, Natal D, Kawano T. Avaliação do controle e vigilância do hospedeiro intermediário do Schistosoma mansoni, no Vale do Ribeira, e observações do seu parasitismo [Internet]. 2008 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6132/tde-02042008-152803/pt-br.php
    • Vancouver

      Guimarães MC de A, Natal D, Kawano T. Avaliação do controle e vigilância do hospedeiro intermediário do Schistosoma mansoni, no Vale do Ribeira, e observações do seu parasitismo [Internet]. 2008 ;Available from: https://teses.usp.br/teses/disponiveis/6/6132/tde-02042008-152803/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021