Exportar registro bibliográfico

Caracterização por meio de métodos moleculares de cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus isoladas no Brasil (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: ROJAS, MARTHA VIRGINIA RIBEIRO - FSP
  • Unidade: FSP
  • Sigla do Departamento: HSP
  • Subjects: VIBRIO PARAHAEMOLYTICUS (ISOLAMENTO E PURIFICAÇÃO;PATOGENICIDADE); VIGILÂNCIA SANITÁRIA; REAÇÃO EM CADEIA POR POLIMERASE; ELETROFORESE; VIRULÊNCIA; MICROBIOLOGIA AMBIENTAL
  • Language: Português
  • Abstract: Vibrio parahaemolyticus é uma espécie de ambiente marinho, responsável por gastrenterite humana e associada a diversos surtos, epidemias e pandemias. As gastrenterites estão relacionadas às cepas produtoras de hemolisina termoestável direta (TDH) e hemolisina análoga à termoestável (TRH), consideradas os principais fatores de virulência da espécie. Objetivos: Estudar a viabilidade dos métodos moleculares para confirmar a identificação da cepas de V. parahaemolyticus; conhecer a distribuição dos genes relacionados à virulência (tdh, trh), e do gene tl; e conhecer a diversidade genotípica entre os isolados. Material: 52 cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus do Brasil foram analisadas. Para confirmar a identificação das espécies e pesquisar a presença dos genes tdh, trh e tl, os isolados foram submetidos a análises moleculares pela PCR, com primers específicos. A diversidade genotípica foi analisada pela técnica de PFGE, e a extração plasmidial seguida de eletroforese também foi realizada. Resultados: A identificação de todas as 52 cepas foi confirmada pela PCR como sendo V. parahaemolyticus. O gene tl esteve presente nos 52 (100 por cento) isolados, o gene tdh foi identificado em 2 (3,8 por cento) deles, enquanto que o gene trh, não foi detectado em nenhuma das cepas estudadas. Conclusões: A freqüente presença do gene tl pode indicá-lo como um marcador para a detecção do agente. A baixa detecção do gene tdh em cepas ambientais é comum de acordo com a literatura.Este estudo revela a efetividade da PCR na confirmação taxonômica da espécie e na detcção de genes de virulência. A análise dos perfis moleculares possibilitou a observação da diversidade genotípica entre os isolados, nos quais também foi possível a presença de plasmídios. As técnicas moleculares mostraram ser um importante instrumento no campo da saúde pública, podendo auxiliar no monitoramento do patógeno no meio ambiente, contribuindo ) com as autoridades sanitárias.(AU)
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.11.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROJAS, Martha Virginia Ribeiro; MATTÉ, Glavur Rogério. Caracterização por meio de métodos moleculares de cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus isoladas no Brasil. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Rojas, M. V. R., & Matté, G. R. (2007). Caracterização por meio de métodos moleculares de cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus isoladas no Brasil. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Rojas MVR, Matté GR. Caracterização por meio de métodos moleculares de cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus isoladas no Brasil. 2007 ;
    • Vancouver

      Rojas MVR, Matté GR. Caracterização por meio de métodos moleculares de cepas ambientais de Vibrio parahaemolyticus isoladas no Brasil. 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020