Exportar registro bibliográfico

Mulher na ciência: representação ou ficção (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: CRUZ, JOLIANE OLSCHOWSKY DA - ECA
  • Unidade: ECA
  • Sigla do Departamento: CTR
  • Subjects: MULHERES NA CIÊNCIA; TRABALHO FEMININO; MEIOS DE COMUNICAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo da tese foi visualizar como as imagens das cientistas podem estar contribuindo para a manutenção de um panorama predominantemente masculino na ciência, sobretudo nas ciências duras, em razão de estudiosos de gênero terem identificado discriminação sexista como causa da ausência delas na área. Para tal, usamos o suporte teórico da teoria das Representações Sociais de Moscovici para entender a representação de mulher cientista como fenômeno que se modifica através do tempo e as imagens como fatores intervenientes nesse processo de mudança. O esforço do pensamento humano no intuito de entender a visão e as imagens resultou em teorias para explicar as imagens físicas tangíveis, através da compreensão da luz como veículo para mediar as representações que a mente cria, em imagens mentais, por intermédio da captação das imagens físicas nos olhos. Estudamos então como a transformação dessas teorias, através do tempo, culminou no conceito de imagem da ciência moderna, resultado da busca de objetividade de uma ciência em transformação. A culminação paradigmática na ciência moderna criou condições para a naturalização das imagens fotográficas, e pós-fotográficas, como "imagens verdadeiras", introduzindo-as como reais, conceito presente nas mentes atuais. Separamos, assim, as imagens em dois grupos: imagens mentais e imagens físicas, para estudar a participação das últimas nas transformações das primeiras; as imagens mentais são entendidas na concepção dasrepresentações sociais. Encontramos, assim, na divulgação científica as imagens aliadas às jornalísticas, de cientistas consideradas aqui como reais. Comparando-as com as das películas cinematográficas de ficção, observamos semelhanças e diferenças para concluir como elas interferem na representação da mulher que trabalha com ciência. Em levantamento das imagens, no período de aproximadamente dez anos, de 1996 a 2007, na divulgação cientifica, gênero literário adotado aqui como interface comunicativa entre a Ciência e o senso comum, vê-se que as representações veiculadas, em imagens e textos, têm se metamorfoseado. Na metade da década de 1990, entrevistas com mulheres cientistas enfocavam sua vida doméstica, ressaltando seu duplo pertencimento: privado e público. Atualmente os artigos têm o mesmo teor das entrevistas com cientistas do sexo masculino, focalizando apenas seu trabalho. Dando visibilidade apenas ao que julgam extraordinário, contudo, reforçam as representações sociais de ciência e de cientista como um ser incomum e superdotado, estereótipo já presente no imaginário do senso comum. O cinema reforça isso ao nos oferecer, ao olhar e à interpretação, imagens de cientistas em tramas verossímeis, porém como personagens cuja complexidade torna-as difíceis de serem espelhadas como modelos para futuras cientistas. Dessa maneira, as duas mídias acabam se complementando no reforço de uma representação que perpetua o estado de exclusãodas mulheres na ciência. Em lugar de dar visibilidade à Ciência como empreendimento e cientista como um trabalhador comprometido com seu labor, ambas as mídias contribuem para manutenção das coisas como estão: uma imagem que contempla o cientista como um ser superior e do sexo masculino, ainda que tenha se ampliado o número de cientistas mulheres
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.08.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CRUZ, Joliane Olschowsky; TASSARA, Marcello G. Mulher na ciência: representação ou ficção. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27153/tde-06052009-131106/ >.
    • APA

      Cruz, J. O., & Tassara, M. G. (2007). Mulher na ciência: representação ou ficção. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27153/tde-06052009-131106/
    • NLM

      Cruz JO, Tassara MG. Mulher na ciência: representação ou ficção [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27153/tde-06052009-131106/
    • Vancouver

      Cruz JO, Tassara MG. Mulher na ciência: representação ou ficção [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27153/tde-06052009-131106/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021