Exportar registro bibliográfico

Uma abordagem híbrida relacional para a desambiguação lexical de sentido na tradução automática (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: SPECIA, LUCIA - ICMC
  • Unidade: ICMC
  • Sigla do Departamento: SCE
  • Subjects: TRADUÇÃO AUTOMÁTICA; PROGRAMAÇÃO LÓGICA; CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: A comunicação multilíngue é uma tarefa cada vez mais imperativa no cenário atual de grande disseminação de informações em diversas línguas. Nesse contexto, são de grande relevância os sistemas de tradução automática, que auxiliam tal comunicação, automatizando-a. Apesar de ser uma área de pesquisa bastante antiga, a Tradução Automática ainda apresenta muitos problemas. Um dos principais problemas é a ambigüidade lexical, ou seja, a necessidade de escolha de uma palavra, na língua alvo, para traduzir uma palavra da língua fonte quando há várias opções de tradução. Esse problema se mostra ainda mais complexo quando são identificadas apenas variações de sentido nas opções de tradução. Ele é denominado, nesse caso, \"ambigüidade lexical de sentido\". Várias abordagens têm sido propostas para a desambiguação lexical de sentido, mas elas são, em geral, monolíngues (para o inglês) e independentes de aplicação. Além disso, apresentam limitações no que diz respeito às fontes de conhecimento que podem ser exploradas. Em se tratando da língua portuguesa, em especial, não há pesquisas significativas voltadas para a resolução desse problema. O objetivo deste trabalho é a proposta e desenvolvimento de uma nova abordagem de desambiguação lexical de sentido, voltada especificamente para a tradução automática, que segue uma metodologia híbrida (baseada em conhecimento e em córpus) e utiliza um formalismo relacional para a representação de vários tipos de conhecimentos e de exemplos dedesambiguação, por meio da técnica de Programação Lógica Indutiva. Experimentos diversos mostraram que a abordagem proposta supera abordagens alternativas para a desambiguação multilíngue e apresenta desempenho superior ou comparável ao do estado da arte em desambiguação monolíngue. Adicionalmente, tal abordagem se mostrou efetiva como mecanismo auxiliar para a escolha lexical na tradução automática ) estatística
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.09.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SPECIA, Lucia; NUNES, Maria das Graças Volpe; STEVENSON, Robert Mark. Uma abordagem híbrida relacional para a desambiguação lexical de sentido na tradução automática. 2007.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/55/55134/tde-05122007-205308/ >.
    • APA

      Specia, L., Nunes, M. das G. V., & Stevenson, R. M. (2007). Uma abordagem híbrida relacional para a desambiguação lexical de sentido na tradução automática. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/55/55134/tde-05122007-205308/
    • NLM

      Specia L, Nunes M das GV, Stevenson RM. Uma abordagem híbrida relacional para a desambiguação lexical de sentido na tradução automática [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/55/55134/tde-05122007-205308/
    • Vancouver

      Specia L, Nunes M das GV, Stevenson RM. Uma abordagem híbrida relacional para a desambiguação lexical de sentido na tradução automática [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/55/55134/tde-05122007-205308/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021