Exportar registro bibliográfico

Características fisico-químicas e celulares na secreção láctea de caprinos da raça Saanen durante o processo de secagem da glândula mamária (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: BRANDESPIM, FLAVIO BRACALE - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCM
  • Subjects: CAPRINOS; SECAGEM (PROCESSOS); FÍSICO-QUÍMICA (CARACTERÍSTICAS)
  • Language: Português
  • Abstract: distendidas. A secreção láctea inicial com aspecto de leite foi substituída a princípio por uma de coloração creme clara e mais tardiamente por uma de aspecto aquoso, sendo que ao final do processo as duas últimas eram mais observadas que a com aspecto de leite. Apenas o pH, a eletrocondutividade, os teores de cloretos, lactose, proteínas e índice cloreto/lactose sofreram uma significativa influência do processo de ) secagem, sendo que os valores do pH, eletrocondutividade, cloretos, proteínas e índice cloreto/lactose aumentaram e os valores de lactose declinaram. O CMT também sofreu uma influência do processo de secagem, mais especificamente as respostas \"traços\" e \"duas cruzes\". Estas, de maneira geral, aumentaram no decorrer da secagem, sendo que no último momento de colheita ocorreu uma queda na freqüência da resposta \"traços\" e a freqüência da resposta \"duas cruzes\" teve uma pequena diminuição no meio do processo. Ainda foi observado que, apesar de existirem diferenças estatísticas significativas entre valores das características físico-químicas e celulares das amostras de secreção láctea com e sem isolamento bacteriano, as diferenças são isoladas e limitadas a algumas características estudadas, impossibilitando afirmar que o processo de secagem dos dois grupos difere de maneira significativa.Para avaliar a influência do processo de secagem da glândula mamária sobre as características físico-químicas e celulares da secreção láctea foram avaliadas 216 amostras provenientes de 27 glândulas mamárias de 15 cabras da raça Saanen consideradas sadias, sendo que essas mamas foram separadas de acordo com o resultado do exame microbiológico da secreção láctea, caracterizando dois grupos: com e sem isolamento bacteriano, composto por 17 e 10 mamas, respectivamente. A partir do dia da interrupção da ordenha e em mais sete momentos (1, 3, 5, 7, 10, 15 e 30 dias após o início da secagem) foi feita a inspeção e a palpação das glândulas mamárias e posterior avaliação do aspecto da secreção láctea. Imediatamente após o exame clínico foram colhidas amostras de leite para a realização do exame microbiológico e das determinações das características físico-químicas e celulares (pH, eletrocondutividade, cloreto, lactose, proteínas, gordura, sólidos totais, índice cloreto/lactose, California Mastitis Test (CMT) e contagem de células somáticas). As glândulas mamárias apresentaram sua maior distensão no terceiro dia após a interrupção da ordenha, mesmo período em que foi possível observar o aparecimento de edema na base dos tetos e em toda a glândula, desaparecendo após o quinto dia, quando teve início a involução do úbere e a freqüência de mamas distendidas começou a declinar, sendo que ao final do processo 37,04% das mamas observadas eram classificadas como não
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 30.08.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BRANDESPIM, Flavio Bracale; BIRGEL JÚNIOR, Eduardo Harry. Características fisico-químicas e celulares na secreção láctea de caprinos da raça Saanen durante o processo de secagem da glândula mamária. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28092007-092953/ >.
    • APA

      Brandespim, F. B., & Birgel Júnior, E. H. (2007). Características fisico-químicas e celulares na secreção láctea de caprinos da raça Saanen durante o processo de secagem da glândula mamária. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28092007-092953/
    • NLM

      Brandespim FB, Birgel Júnior EH. Características fisico-químicas e celulares na secreção láctea de caprinos da raça Saanen durante o processo de secagem da glândula mamária [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28092007-092953/
    • Vancouver

      Brandespim FB, Birgel Júnior EH. Características fisico-químicas e celulares na secreção láctea de caprinos da raça Saanen durante o processo de secagem da glândula mamária [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10136/tde-28092007-092953/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021