Exportar registro bibliográfico

Avaliação da presença de cianobactérias em efluentes de sistema de tratamento de esgotos sanitários por lagoas de estabilização associadas a tratamento físico-químico (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated author: GODOY, OSVALDO AMERICANO - EP
  • School: EP
  • Sigla do Departamento: PHD
  • Subjects: TRATAMENTO DE ESGOTOS SANITÁRIOS; CYANOPHYTA; LAGOAS DE ESTABILIZAÇÃO
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa propôs avaliar a presença de cianobactérias, tanto quantitativamente como qualitativamente e clorofila-a quantitativamente, em relação à legislação CONAMA 357/05, em um sistema de tratamento de lagoas de estabilização com pré e pós-tratamento físico-químico, além de avaliar o comportamento de parâmetros convencionais, como Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO), Demanda Química de Oxigênio (DQO), Nitrogênio (N), Fósforo (P), Sólidos Suspensos Totais (SST), Potencial Hidrogeniônico (pH). Para tanto, utilizou-se a Estação de Tratamento de Efluentes da Riviera de São Lourenço - Bertioga - SP, para o estudo em questão, onde o sistema é composto de Tratamento Primário Avançado (TPA) com aplicação de produtos químicos (polímero como coagulante), seguido de duas lagoas facultativas, lagoa de maturação, removedor de algas (decantador) com aplicação de produtos químicos (polímero e cal hidratada) e tanque de contato de cloro. Utilizou-se um período de estudo de dez meses (Outubro/2005 à Junho/2006), com coletas e análises semanais e quinzenais, dos efluentes das lagoas facultativas, da lagoa de maturação, do removedor de algas e final do sistema. As análises foram realizadas no Laboratório de Controle Ambiental da Riviera de São Lourenço. Foram encontradas ao longo do sistema as seguintes espécies de cianobactérias: Planktothrix sp, Merismopedia sp, Microcystis sp, Phormidium sp, Chroococcus sp, Pseudonabaena sp, Aphanocapsa sp. Ao longo de todo o período, as maiores presenças de espécies foram de Planktothrix sp e Merismopedia sp.Encontrou-se os seguintes valores ao longo do sistema para densidades de cianobactérias na baixa temporada: para lagoas facultativas - 18880 cel/mL; lagoa de maturação - 16350 cel/mL; removedor de algas - 4680 cel/mL; saída do sistema - 6400 cel/mL; e na alta temporada: para lagoas facultativas - 26340 cel/mL; lagoa de maturação - 13170 cel/mL; removedor de algas - 11840 cel/mL; saída do sistema - 2910 cel/mL. As densidades de cianobactérias encontradas na baixa e alta temporada na saída do tratamento refletem valores sempre abaixo em relação à nova legislação CONAMA 357/05 no que tange os limites de cianobactérias para águas classes I, II e III. As concentrações de clorofila-a no efluente da lagoa de maturação resultaram em 432 ± 182µg/L, e 268 ± 185µg/L no efluente final do sistema. A eficiência de remoção foi de 53 ± 28%,. Estes resultados de clorofila-a para este sistema de tratamento de esgotos com as novas mudanças, ou seja, o sistema biológico precedido e sucedido por tratamento físico-químico, podem ser considerados satisfatórios, mas são mais elevados que os limites preconizados na Resolução CONAMA 357/05 para águas classes I, II e III, havendo a necessidade se contar com algum grau de diluição para permitir o enquadramento. Para os parâmetros convencionais analisados ao longo do período, destacam-se as concentrações no efluente final de fósforo de 5 ± 2 mgP/L e de nitrogênio total de 27 ± 12 mgN/L. Com relação ao fósforo, observa-se a necessidade de diluição no corpo receptor para o enquadramento às classes mais restritivas e, com relação ao nitrogênio, verifica-se que e valor médio é superior ao padrão de emissão de 20 mgN/L estabelecido pela Resolução 357/2005 do CONAMA.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.09.2007
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GODOY, Osvaldo Americano; PIVELI, Roque Passos. Avaliação da presença de cianobactérias em efluentes de sistema de tratamento de esgotos sanitários por lagoas de estabilização associadas a tratamento físico-químico. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-09012008-164145/ >.
    • APA

      Godoy, O. A., & Piveli, R. P. (2007). Avaliação da presença de cianobactérias em efluentes de sistema de tratamento de esgotos sanitários por lagoas de estabilização associadas a tratamento físico-químico. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-09012008-164145/
    • NLM

      Godoy OA, Piveli RP. Avaliação da presença de cianobactérias em efluentes de sistema de tratamento de esgotos sanitários por lagoas de estabilização associadas a tratamento físico-químico [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-09012008-164145/
    • Vancouver

      Godoy OA, Piveli RP. Avaliação da presença de cianobactérias em efluentes de sistema de tratamento de esgotos sanitários por lagoas de estabilização associadas a tratamento físico-químico [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3147/tde-09012008-164145/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020