Exportar registro bibliográfico

Avaliação de eficácia da sanitização de um sistema de purificação de água: esterilização de artigos médicos, dissipação residual do óxido de etileno e uso da proteína verde fluorescente (GFP) como indicador de controle do processo (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: DIAS, FABIO NUNES - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBT
  • Subjects: ÁGUA (CONTROLE DE QUALIDADE;AVALIAÇÃO); ÁGUA (CONTAMINAÇÃO); PROTEÍNAS DE FLUORESCÊNCIA VERDE (USO); BIOPROCESSOS (AVALIAÇÃO); BIOTECNOLOGIA (APLICAÇÕES)
  • Language: Português
  • Abstract: A água exerce papel fundamental nas diferentes fases do processo de fabricação de artigos para saúde (médico-hospitalares, farmacêuticos, e clínicos), exigindo elevado grau de pureza, que certifique a sua inocuidade. Portanto, se faz necessário maior controle dos sistemas de purificação de água e suas etapas de tratamento, onde a formação de biofilmes pode contaminar os artigos para saúde e, consequentemente, causar injúria a pacientes submetidos à aplicação dos mesmos. Embora os artigos médicos sejam esterilizados por óxido de etileno (ETO), seu processo de manufatura deve prever o mínimo acréscimo possível de contaminantes. Considerando que a água purificada e a esterilização dos artigos para saúde são fatores determinantes para o sucesso de sua aplicação, este trabalho foi dividido em duas partes distintas. A primeira parte aborda o controle das etapas de purificação da água, que é destinada à lavagem de componentes termoplásticos, que são utilizados na fabricação de artigos para saúde. Os níveis máximos de carga microbiana (expressos em ciclos de log `IND.10` UFC/100mL) encontrados ao longo do sistema de purificação de água foram: 3,48 log `IND.10` na água de entrada; 3,57 log `IND.10` nos filtros multimeios; 3,75 log `IND.10` nos abrandadores; 4,97 log `IND.10` no filtro de carvão ativado; 2,53 log `IND.10` na osmose reversa; 2,70 log `IND.10` no tanque de estocagem e distribuição; 2,56 log `IND.10` na lâmpada ultravioleta; 2,53 log `IND.10` nos filtros 0,051`mu``m`; 1,98 log `IND.10` nos pontos de uso. Flavimonas oryzihabitans e Micrococcus luteus foram as bactérias Gram-negativa e Gram-positiva, respectivamente, isoladas e identificadas com maior freqüência na água, em diferentes estágios do sistema, inclusive após a passagem dessa através das membranas de osmone reversa. A segunda ) parte do estudo teve como objetivo determinar o tempo de aeração necessário para que os oxigenadores de sangue e conjuntos de tubos de PVC, após esterilização por ETO, permaneçam em aeração, para dissipação dos resíduos de ETO. Avaliou-se também a potencialidade da proteína verde fluorescente (GFP) como biossensor no processo de esterilização. O processo de esterilização destes artigos médicos foi monitorado com indicadores biológicos Bacillus atrophaeus, proteína verde fluorescente (GFP) e controles de temperatura, pressão e umidade em ciclos de 2 h (ciclo curto), 4 h (meio ciclo) e 8 h (ciclo longo). As curvas de dissipação, determinadas por cromatografia gasosa, confirmaram níveis residuais menores que 25 ppm para ETO e etileno cloridrina (EC); e inferiores a 250 ppm para etileno glicol (EG), ao final do processo de esterilização para os oxigenadores; e, após 221 horas de aeração, para os conjuntos de tubos de PVC. Nos ciclos de esterilização, as reduções na intensidade de fluorescência da GFP ocorreram em função do tempo de exposição ao ETO; enquanto germinação de esporos e/ou crescimento de B. atrophaeus não foi observado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.08.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DIAS, Fábio Nunes; VESSONI PENNA, Thereza Christina. Avaliação de eficácia da sanitização de um sistema de purificação de água: esterilização de artigos médicos, dissipação residual do óxido de etileno e uso da proteína verde fluorescente (GFP) como indicador de controle do processo. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9135/tde-21092007-163923/ >.
    • APA

      Dias, F. N., & Vessoni Penna, T. C. (2007). Avaliação de eficácia da sanitização de um sistema de purificação de água: esterilização de artigos médicos, dissipação residual do óxido de etileno e uso da proteína verde fluorescente (GFP) como indicador de controle do processo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9135/tde-21092007-163923/
    • NLM

      Dias FN, Vessoni Penna TC. Avaliação de eficácia da sanitização de um sistema de purificação de água: esterilização de artigos médicos, dissipação residual do óxido de etileno e uso da proteína verde fluorescente (GFP) como indicador de controle do processo [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9135/tde-21092007-163923/
    • Vancouver

      Dias FN, Vessoni Penna TC. Avaliação de eficácia da sanitização de um sistema de purificação de água: esterilização de artigos médicos, dissipação residual do óxido de etileno e uso da proteína verde fluorescente (GFP) como indicador de controle do processo [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9135/tde-21092007-163923/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021