Exportar registro bibliográfico

Investigação de compostos secretados pelos nematocistos da anêmona do mar Bunodosoma cangicum (Cnidaria / Anthozoa / Actiniidae) (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: ZAHARENKO, ANDRE JUNQUEIRA - IB
  • Unidade: IB
  • Sigla do Departamento: BIF
  • Subjects: ANIMAIS PEÇONHENTOS; COELENTERATA
  • Language: Português
  • Abstract: Diferentemente de muitos estudos de peçonhas de escorpiões, aranhas, serpentes e moluscos do gênero Conus, até o momento não existe nenhum trabalho realizando uma abordagem proteômica em peçonhas de anêmonas do mar. Neste estudo reportamos pela primeira vez a impressão digital das massas moleculares e alguns peptídeos inéditos da fração neurotóxica (FrIII) da peçonha da anêmona Bunodosoma cangicum. Fr III é neurotóxica em crustáceos e foi purificada por HPLC de fase reversa em uma coluna C-18, gerando 41 frações. Ao checar-se as massas, observamos 83 peptídeos de 250 a 6000 u.m.a. Alguns deles foram parcialmente seqüenciados e identificados como integrantes de diferentes categorias de toxinas. Outros claramente pertencem ao grupo das BcIV e APETx-símile, atuando como toxinas do tipo 1 nos potenciais de ação compostos (PACs) em nervos de crustáceo. Outros três representam um grupo de toxinas menores, provavelmente atuando em canais para potássio, como demonstrado na mesma preparação. Cinco moléculas (~4900 u.m.a.) pertencem ao grupo das toxinas do tipo 1 e uma pertence ao grupo de toxinas semelhantes a Fator de Crescimento Epidérmico de mamíferos. Na fração mais abundante da peçonha (FrIV), ao combinarmos o uso de HPLC e espectrometria de massas (MS), obtivemos fortes evidências da presença de 5-HT e caissarona (antagonista de receptores de adenosina). Também, a FrV demonstrou conter uma variedade de compostos não-peptídicos de baixa massa molecular e contendobromo. O mais abundante deles é antinociceptivo em patas de ratos e aparentemente desencadeia tal efeito por modulação de Kvs, através de receptores de 5-HT. Resumindo, a análise proteômica e a identificação de "impressões digitais" de massas de peçonhas de anêmonas do mar é uma ferramenta valiosa, permitindo a predição rápida de diversos grupos de toxinas e facilitando a busca e caracterização de moléculas inéditas, sem necessitar-se da caracterização ) demorada, completa e indivivual de compostos através de purificações guiadas por bioensaios. Também mostramos que as anêmonas empregam estas dezenas de componentes provavelmente para predação e defesa
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 17.08.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZAHARENKO, André Junqueira; FREITAS, José Carlos de. Investigação de compostos secretados pelos nematocistos da anêmona do mar Bunodosoma cangicum (Cnidaria / Anthozoa / Actiniidae). 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Zaharenko, A. J., & Freitas, J. C. de. (2007). Investigação de compostos secretados pelos nematocistos da anêmona do mar Bunodosoma cangicum (Cnidaria / Anthozoa / Actiniidae). Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Zaharenko AJ, Freitas JC de. Investigação de compostos secretados pelos nematocistos da anêmona do mar Bunodosoma cangicum (Cnidaria / Anthozoa / Actiniidae). 2007 ;
    • Vancouver

      Zaharenko AJ, Freitas JC de. Investigação de compostos secretados pelos nematocistos da anêmona do mar Bunodosoma cangicum (Cnidaria / Anthozoa / Actiniidae). 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021