Exportar registro bibliográfico

Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, RENATO CAVALCANTE DA - IQSC
  • Unidade: IQSC
  • Assunto: QUÍMICA ANALÍTICA
  • Language: Português
  • Abstract: Fotossensibilizadores são moléculas capazes de interagir com a luz de modo a gerar espécies altamente reativas de oxigênio como o oxigênio singlete e outras formas radicalares. Esta propriedade pode ser utilizada para o tratamento de câncer, remoção de contaminantes ambientais, inativação de agentes patogênicos no sangue e hemoderivados, bem como na esterilização alimentos. A técnica que utiliza o efeito fotodinâmico para o tratamento de câncer recebe o de nome Terapia Fotodinâmica (do termo em inglês: Photodynamic Therapy - PDT).Photofrin®, Photogem® e Photosan® são fármacos de primeira geração, derivados da hematoporfirina, que constituem o principal grupo de medicamentos com aplicação clínica em PDT. Photodithazine® é um fármaco de 2ª geração, derivado de clorina-e-6, que encontra-se em fase de testes clínicos e apresenta resultados promissores como fotossensibilizador (FS). Este trabalho tem o objetivo de investigar a eficiência fotodinâmica destes fármacos através de experimentos que envolvem a utilização da albumina de soro bovino (BSA) e o ácido úrico (AU) como dosímetros químicos; eritrócitos como modelo de membrana celular e a determinação do coeficiente de partição (P ou Log P) para se investigar lipofilicidade e a interação dos FS com as membranas celulares. Soluções contendo BSA e FS, preparadas em tampão fosfato, foram iluminadas com LED ('lâmbda'=630nm) e o decréscimo na fluorescência do BSA em 340nm foi utilizado para se calcularconstante da velocidade de fotoxidação (kC, 'min POT.-1'). No teste do AU, a mistura AU e FS foi iluminada com LED e o coeficiente de atividade fotodinâmica (AF, 'm POT.2'.'J POT.-1') foi determinado através do decréscimo da banda do AU em 293nm. ) Os resultados convergem para a seguinte ordem de eficiência fotodinâmica: Photodithazine® Photogem® > Photofrin® > Photosan®, baseada nos valores de kC (14,8'+ ou -'0,3); (9,8'+ ou -'0,5); (3,2'+ ou -'0,7) e (2,9'+ ou -'0,5)'min POT.-1' e AF (64'+ ou -'14), (37'+ ou -'9), (9'+ ou -'2) e (4'+ ou -'1)'m POT.2''J POT.-1', respectivamente. Com objetivo de determinar o tempo necessário para causar 50% de hemólise ('t IND.50'), amostras de eritrócitos (hematócrito=2%) foram irradiadas por 10 minutos e o dano causado à membrana pelo efeito fotodinâmico foi monitorado através da variação na absorbância característica da oxihemoglobina em 540 e 577nm. O mecanismo preferencial envolvido na fotoxidação da membrana celular foi investigado por meio de experimentos que avaliaram a influência de água deuterada, azida de sódio e manitol na velocidade de fotoxidação dos eritrócitos. Os resultados dos experimentos de hemólise apontam para a seguinte ordem de eficiência fotodinâmica: Photodithazine® Photofrin® > Photogem® > Photosan®, baseada nos valores de 't IND.50' : (1,2'+ ou -'0,3), (3,4'+ ou -'0,1), (3,8'+ ou -'0,2), (5,2'+ ou -'0,1)min e logP (0,21); (0,15); (0,11); (-0,21); respectivamente. A hemólise com Photogem® em meio deuterado foicerca de 25% mais rápida e a presença de azida de sódio causou diminuição na hemólise, expressa pela diminuição dos valores de porcentagem máxima de hemólise (%'H MÁX') e aumento nos valores de 't IND.50'. ) A presença de manitol nos ensaios de hemólise não apresentou influência nos valores de 't IND.50' e %'H IND.MÁX' , indicando que a hemólise não ocorre via mecanismo radicalar, mas aponta para o mecanismo do tipo II, via oxigênio singlete, como sendo o mecanismo predominante na fotoxidação da membrana plasmática dos eritrócitos pelos fotossensibilizadores estudados. As diferenças encontradas entre os fármacos HpD são atribuídas as suas diferentes constituições, uma vez que tratam-se de misturas de monômeros, dímeros e oligomeros em diferentes frações. Experimentos realizados em solução homogênea, tais como os experimentos de fotoxidação de BSA e o teste do ácido úrico, fornecem importantes informações a respeito da estrutura-atividade dos fármacos, mas negligenciam os efeitos de interação dos FS com o meio biológico. Em ambiente biológico, os FS participam de inúmeras interações adicionais, constituindo sistemas únicos, com diferentes propriedades fotofísicas e fotoquímicas. Estudos anteriores, realizados no nosso grupo de pesquisa, envolvendo a determinação da citotoxicidade destes FS em culturas de células normais e tumorais, bem como estudos de separação cromatográfica dos constituintes de fármacos HpD estão de acordo com os resultadosapresentados neste trabalho
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.09.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Renato Cavalcante da; PERUSSI, Janice Rodrigues. Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica. 2007.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-27032008-092302/ >.
    • APA

      Silva, R. C. da, & Perussi, J. R. (2007). Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-27032008-092302/
    • NLM

      Silva RC da, Perussi JR. Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-27032008-092302/
    • Vancouver

      Silva RC da, Perussi JR. Avaliação da eficiência fotodinâmica de fotossensibilizadores com aplicação em terapia fotodinâmica [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/75/75132/tde-27032008-092302/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020