Exportar registro bibliográfico

Caracterização epidemiológica da resistência parcial e análise da tolerância de genótipos de soja à ferrugem asiática (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: CARNEIRO, LUCIANA CELESTE - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LEF
  • Subjects: EPIDEMIOLOGIA; FERRUGEM (DOENÇA DE PLANTA); GENÓTIPOS; RESISTÊNCIA GENÉTICA VEGETAL; SOJA
  • Language: Português
  • Abstract: O objetivo deste trabalho foi avaliar a resistência parcial e a tolerância à ferrugem asiática, em sete cultivares comerciais e três linhagens de soja. Os ensaios foram conduzidos no município de Jataí, GO, no ano agrícola de 2005/2006. Ensaios distintos foram realizados para avaliação da resistência parcial e para avaliação da tolerância, todos repetidos em três épocas de plantio, a fim de se obter intensidade variável da doença em diferentes estádios fenológicos da cultura. Nos ensaios para avaliação da resistência parcial, o delineamento experimental foi o de blocos cazualizados com cinco repetições e cada parcela experimental foi composta por cinco linhas de seis metros de comprimento. A severidade da doença foi estimada em intervalos semanais, a partir do surgimento dos primeiros sintomas até a desfolha completa. Os dados foram analisados por meio de regressão não linear e o modelo logístico foi o que apresentou melhor ajuste. As curvas de progresso da doença para os cultivares EMGOPA-315, Luziânia, Pintado, Conquista, COODETEC-219 e para as linhagens 1, 2, e, 3 não apresentaram estabilização assintótica da severidade em função da desfolha precoce, ficando evidente apenas a fase exponencial de crescimento da doença. As epidemias apresentaram comportamento explosivo e foram muito semelhantes, demonstrando que esses genótipos foram igualmente susceptíveis ao patógeno. Os cultivares Tianá e EMGOPA-313 foram os únicos que apresentaram estabilizaçãoassintótica da severidade, em níveis muito abaixo de 1, o que evidenciou a presença de resistência parcial nesses cultivares. Nos ensaios para avaliação da tolerância, o delineamento experimental foi o de blocos casualizados com cinco repetições, com delineamento dos tratamentos em parcelas subdivididas. As parcelas (5 linhas de 12 m de comprimento) foram compostas pelos genótipos, e as subparcelas (5 linhas de 6 m de ) comprimento), pelo tratamento ou não com fungicida tebuconazole (0,5 L.ha-1) para controle da ferrugem. A severidade da doença foi estimada uma única vez e a tolerância foi avaliada pela análise estatística da diferença de produtividade, peso de mil grãos e de número de vagens e grãos por planta, entre subparcelas tratadas e não tratadas com fungicida, em cada época de plantio. Nenhum genótipo avaliado mostrou-se tolerante à ferrugem asiática da soja
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.08.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CARNEIRO, Luciana Celeste; AMORIM, Lilian. Caracterização epidemiológica da resistência parcial e análise da tolerância de genótipos de soja à ferrugem asiática. 2007.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11135/tde-14092007-163502/ >.
    • APA

      Carneiro, L. C., & Amorim, L. (2007). Caracterização epidemiológica da resistência parcial e análise da tolerância de genótipos de soja à ferrugem asiática. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11135/tde-14092007-163502/
    • NLM

      Carneiro LC, Amorim L. Caracterização epidemiológica da resistência parcial e análise da tolerância de genótipos de soja à ferrugem asiática [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11135/tde-14092007-163502/
    • Vancouver

      Carneiro LC, Amorim L. Caracterização epidemiológica da resistência parcial e análise da tolerância de genótipos de soja à ferrugem asiática [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11135/tde-14092007-163502/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021