Exportar registro bibliográfico

Imigrantes espanhóis na paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922 (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated author: CANOVAS, MARILIA DALVA KLAUMANN - FFLCH
  • School: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLH
  • Subjects: EMIGRAÇÃO; IMIGRAÇÃO ESPANHOLA; IMIGRANTES; POPULAÇÃO URBANA
  • Language: Português
  • Abstract: Esta investigação pretendeu recuperar, amparada por substantivo corpus documental, a multiplicidade de papéis vivenciados pelo imigrante espanhol na Paulicéia: redes de afazeres e práticas associativas, modos efetivos de incorporação e experiências precárias de acomodação à atividade produtiva da cidade, formas de sociabilidade, enfim, os diversos meios de inserção, as estratégias e as experiências concretas relacionadas à sua trajetória na urbe paulistana, entre os anos de 1890 e 1922. Conhecido como o da emigração em massa, esse período será o responsável pelo deslocamento de imensas ondas humanas que cruzavam o Atlântico em direção à América. Para o Brasil, vinham atraídas pela eficiente e agressiva política oficial de arregimentação de braços em larga escala que se alicerçava no subsídio à passagem das famílias emigrantes, modalidade de captação com a qual se pretendia irrigar com mão-de-obra farta e, portanto, barata, a lavoura cafeeira do Estado de São Paulo, em constante expansão. Grande parte desse caudal emigratório espanhol movia-se fugindo das distorções do sistema agrário, da miséria, das convocações militares para as guerras coloniais e da falta de perspectiva no futuro, trazendo, em sua bagagem imaginária, o desejo de melhoria em sua condição de vida e o sonho do retorno ao seu país de origem. Desses milhares de desterrados, muitos, por razões que a pesquisa buscou explorar, acabaram se dirigindo - refluindo ou não do colonato - para acidade de São Paulo que, promovendo para si a atração de capitais e população, ostentava com eloqüência os frutos colhidos pelo café, metamorfoseando-se radicalmente de maneira acelerada e se transformando, na passagem do século XX, de pequeno núcleo urbano, na metrópole do café. Face à especificidade da constituição da urbe, o adensamento de uma população diversificada - verdadeiro caleidoscópio étnico no qual o imigrante espanhol, em que pese a sua quase total obscuridade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.08.2007
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CÁNOVAS, Marília Dalva Klaumann; MARCÍLIO, Maria Luiza. Imigrantes espanhóis na paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-08112007-161310/ >.
    • APA

      Cánovas, M. D. K., & Marcílio, M. L. (2007). Imigrantes espanhóis na paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-08112007-161310/
    • NLM

      Cánovas MDK, Marcílio ML. Imigrantes espanhóis na paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922 [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-08112007-161310/
    • Vancouver

      Cánovas MDK, Marcílio ML. Imigrantes espanhóis na paulicéia: trabalho e sociabilidade urbana, 1890-1922 [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8138/tde-08112007-161310/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2022