Exportar registro bibliográfico

Linguagem e desenvolvimento da teoria da mente: um estudo com crianças de 3 a 5 anos (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: PANCIERA, SARA DEL PRETE - IP
  • Unidade: IP
  • Sigla do Departamento: PSA
  • Subjects: DESENVOLVIMENTO COGNITIVO; LINGUAGEM; PRAGMÁTICA
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo utiliza um procedimento de intervenção com os objetivos de: a) investigar relações de precedência entre a linguagem e o desempenho das crianças em tarefas de falsa crença; b) verificar em que medida as condições de vida da criança influenciam o desenvolvimento das habilidades de atribuição de estados mentais. Tem também o objetivo prático de fornecer subsídios para as ações educacionais no sentido de favorecer a instalação e o desenvolvimento de competências básicas que incidem na adaptação social e escolar da criança pequena. Participaram dessa pesquisa 84 criança, 44 meninos e 40 meninas, de 3; 10 a 5;3 anos de idade, que compuseram quatro grupos experimentais e dois grupos controle. Foram realizados dois estudos: o Estudo 1 com crianças provenientes de famílias de nível socioeconômico médio alto e o Estudo 2 com crianças provenientes de famílias de nível socioeconômico baixo. Nos dois estudos foi adotado um delineamento experimental em 3 fases: pré-teste, intervenção e pós-teste. Em cada estudo foram feitos dois tipos de intervenção: a) no aspecto pragmático da linguagem, em que são mantidas interações verbais com a criança a respeito de situações do cotidiano e o uso de verbos mentais é evitado; b) designada como "conversação", não focaliza na divisão didática da linguagem e convida a criança à participação ativa em situações conversacionais que incluem a discussão de termos mentais e instigam mudanças de perspectiva. Para o pré epós-teste dos dois estudos foi utilizada a escala de tarefas em teoria da mente de Wellman e Liu. Os resultados do Estudo 1 e do Estudo 2 indicaram que as crianças dos dois grupos experimentais tiveram um desempenho significativamente melhor nas tarefas de teoria da mente no pós-teste, quando comparadas às do grupo controle, aceitando-se a hipótese inicial de influência da linguagem no desenvolvimento da teoria da mente. Foi possível afirmar a eficiência tanto da intervenção em pragmática quanto da intervenção em conversação no desempenho das crianças nas tarefas de teoria da mente, incluindo a clássica tarefa de falsa crença. Os resultados também indicaram que as crianças do Estudo 2 (de nível socioeconômico baixo), que no pré-teste mostraram resultados inferiores nas tarefas de teoria da mente, foram as que mais se beneficiaram das intervenções. Esses achados permitem afirmar que práticas lingüísticas como as utilizadas nas intervenções têm efeito favorecedor para o desenvolvimento da teoria da mente em crianças pequenas e sua utilização tem como efeito a diminuição de diferenças inicialmente encontradas entre crianças das duas condições socioculturais estudadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.05.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PANCIERA, Sara Del Prete; MALUF, Maria Regina. Linguagem e desenvolvimento da teoria da mente: um estudo com crianças de 3 a 5 anos. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Panciera, S. D. P., & Maluf, M. R. (2007). Linguagem e desenvolvimento da teoria da mente: um estudo com crianças de 3 a 5 anos. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Panciera SDP, Maluf MR. Linguagem e desenvolvimento da teoria da mente: um estudo com crianças de 3 a 5 anos. 2007 ;
    • Vancouver

      Panciera SDP, Maluf MR. Linguagem e desenvolvimento da teoria da mente: um estudo com crianças de 3 a 5 anos. 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021