Exportar registro bibliográfico

Relação entre escolha de alimento para o fungo e a umidade da colônia em Atta sexdens rubrapilosa (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: ZAGO, GISELE - IP
  • Unidades: IP
  • Sigla do Departamento: PSE
  • Subjects: COMPORTAMENTO ANIMAL; FORMIGAS CORTADEIRAS; COMPORTAMENTO DE ESCOLHA; UMIDADE DO SOLO; ALIMENTOS
  • Language: Português
  • Abstract: Colônias de formigas estão sempre expostas a variações climáticas nos mais diversos ambientes que ocupam. Graças a mecanismos de regulação desenvolvidos por elas, as condições de temperatura e umidade variam pouco dentro da colônia durante o ano. A despeito das variações do ambiente externo, as saúvas conseguem manter alta a umidade dentro de suas colônias, o que é necessário para o cultivo do fungo com o qual alimentam as formas imaturas. Estudos sobre a manutenção do micro-clima da colônia evidenciam a sensibilidade das operárias aos diferentes gradientes de umidade e destacam a capacidade destas formigas em mudar de comportamento em direção ao reequilíbrio hídrico da colônia. Verificar a relação entre a umidade da colônia e escolha de alimentos secos (aveia e quirera de milho) ou úmidos (maçã e folhas) foi o objetivo deste trabalho. Foram usadas simultaneamente duas sub-colônias de laboratório, sendo uma submetida a estresse hídrico e a outra não. A coleta de cada tipo de alimento pelas sub-colônias foi medido em gramas e os destinos dos alimentos após o oferecimento também foram registrados como implantados, abandonados e rejeitados. Os resultados indicaram diferenças significativas na coleta de alimentos entre as duas sub-colônias. A colônia submetida ao estresse hídrico coletou significativamente mais maçã (p<0,05) do que os demais alimentos oferecidos, enquanto que a outra colônia coletou significativamente mais quirera e aveia (p<0,05). Os dados de destino dosalimentos mostraram que a colônia com sílica implantou significativamente mais maçã (p<0,05) que a colônia sem sílica e rejeitou significativamente mais aveia e quirera que a colônia sem sílica. A preferência por maçã e a rejeição de aveia e quirera pelas formigas da colônia submetida ao estresse hídrico evidencia sua sensibilidade à umidade e sua capacidade de mudar o comportamento em direção ao equilíbrio hídrico da colônia
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.03.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ZAGO, Gisele; RIBEIRO, Fernando José Leite. Relação entre escolha de alimento para o fungo e a umidade da colônia em Atta sexdens rubrapilosa. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Zago, G., & Ribeiro, F. J. L. (2007). Relação entre escolha de alimento para o fungo e a umidade da colônia em Atta sexdens rubrapilosa. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Zago G, Ribeiro FJL. Relação entre escolha de alimento para o fungo e a umidade da colônia em Atta sexdens rubrapilosa. 2007 ;
    • Vancouver

      Zago G, Ribeiro FJL. Relação entre escolha de alimento para o fungo e a umidade da colônia em Atta sexdens rubrapilosa. 2007 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020