Exportar registro bibliográfico

Avaliação da resistência à compressão do concreto através de testemunhos extraídos: contribuição à estimativa do coeficiente de correção devido aos efeitos do broqueamento (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: VIEIRA FILHO, JOSE ORLANDO - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PCC
  • Subjects: CONCRETO; ENSAIOS DE COMPRESSÃO (RESISTÊNCIA)
  • Language: Português
  • Abstract: Esta pesquisa experimental destina-se a avaliação da resistência à compressão do concreto na estrutura através da análise das resistências de corpos-de-prova padrão moldados fc(M), denominada potencial e de testemunhos extraídos da estrutura fc(E), denominada efetiva objetivando quantificar a parcela Yc2 - nesta tese considerada como a relação entre elas fc(M)/fc(E) - do coeficiente normativo de ponderação da resistência do concreto Yc. Essa parcela Yc2 corresponde ao coeficiente de correção, devido aos efeitos do broqueamento na extração, a ser aplicado à resistência dos testemunhos de mesmas dimensões dos corpos-de-prova. A norma brasileira NBR 6118/03 - Projeto de Estruturas de Concreto - Procedimento, para o caso de não-conformidade na aceitação do concreto, indica a extração de testemunhos segundo a NBR 7680. Admite, neste caso de extração, dividir o valor de Yc por 1,1 nas avaliações estruturais no estado limite último. Em sua versão anterior a NBR 6118 recomendava que os resultados dos testemunhos fossem corrigidos em virtude dos efeitos do broqueamento, sem, no entanto especificar o coeficiente para a correção referida, sugerindo que os resultados fossem majorados em 10% ou 15%, dependendo da amostragem, por se tratar da resistência do concreto na própria estrutura. A NBR 6118/03 estabelece para o coeficiente Yc o valor de 1,4 sem especificar valor para a parcela Yc2. O CEB igualmente recomenda 1,4 para o Yc citando o valor de 1,10 para oYc2. Trabalhando-se com corpos-de-prova padrão curados úmidos e com testemunhos extraídos de blocos tanto curados úmidos quanto curados ao ar buscou-se avaliar esse coeficiente referente aos danos causados pela extração. Utilizaram-se ainda corpos-de-prova padrão curados ao ar para comparação de resultados. ) No presente estudo procurou-se também verificar a viabilidade da utilização de testemunhos de diâmetros inferiores aos de 15 cm e 10 cm normalmente previstos na normalização nacional e internacional, extraindo-se, além daqueles, testemunhos de 7,5; 5,0 e do diminuto diâmetro de 2,5 cm; que podem vir a facilitar e acelerar as avaliações de estruturas acabadas. Permitem ainda evitar cortes de armaduras, reduzir custos, possibilitar a obtenção da relação altura/diâmetro igual a 2 e ainda o aumento significativo da amostragem. No programa de ensaios desenvolvido foram estudados concretos produzidos por central dosadora que atende a Região Metropolitana do Recife, em quatro níveis de resistência à compressão aos 28 dias, respectivamente de 20, 50 e 70 MPa e amostragem suplementar de 65 MPa, para rupturas também aos 90 dias de idade. Foram realizados também ensaios esclerométricos, ultrassônicos e de massa específica aparente do concreto como subsídios aos ensaios de resistências à compressão. Após análise estatística chegou-se a um valor final promédio para o coeficiente de correção dos efeitos de broqueamento Yc2 de 1,07; demonstrando-se ainda porcorrelações ao nível de significância de 1% a viabilidade da utilização dos testemunhos de diâmetros 7,5; 5,0 e do minitestemunho de 2,5 cm na avaliação de estruturas acabadas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 09.05.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VIEIRA FILHO, José Orlando; HELENE, Paulo R. L. Avaliação da resistência à compressão do concreto através de testemunhos extraídos: contribuição à estimativa do coeficiente de correção devido aos efeitos do broqueamento. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-26102007-144854/ >.
    • APA

      Vieira Filho, J. O., & Helene, P. R. L. (2007). Avaliação da resistência à compressão do concreto através de testemunhos extraídos: contribuição à estimativa do coeficiente de correção devido aos efeitos do broqueamento. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-26102007-144854/
    • NLM

      Vieira Filho JO, Helene PRL. Avaliação da resistência à compressão do concreto através de testemunhos extraídos: contribuição à estimativa do coeficiente de correção devido aos efeitos do broqueamento [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-26102007-144854/
    • Vancouver

      Vieira Filho JO, Helene PRL. Avaliação da resistência à compressão do concreto através de testemunhos extraídos: contribuição à estimativa do coeficiente de correção devido aos efeitos do broqueamento [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3146/tde-26102007-144854/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021