Exportar registro bibliográfico

O emprego da Técnica do Desenho da Pessoa na Chuva: uma contribuição ao estudo psicológico de crianças vítimas de violência doméstica (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: VAGOSTELLO, LUCILENA - IP
  • Unidades: IP
  • Sigla do Departamento: PSC
  • Subjects: TÉCNICAS PROJETIVAS; DESENHO DE FIGURAS HUMANAS; PSICODIAGNÓSTICO; VIOLÊNCIA NA FAMÍLIA; VIOLÊNCIA NA FAMÍLIA
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho tem como objetivo apresentar uma técnica projetiva praticamente desconhecida no Brasil, o teste da Pessoa na Chuva. Por meio de um estudo exploratório, busca-se verificar suas contribuições para a avaliação psicológica de crianças vítimas de violência doméstica. A técnica consiste em solicitar o desenho de uma pessoa na chuva e foi elaborada para verificar como o indivíduo reage a situações de tensão ambiental. No presente trabalho, tal procedimento foi aplicado em 82 participantes de ambos os sexos, com idades entre 6 e 10 anos e residentes em regiões de baixo índice de desenvolvimento humano da periferia da cidade de São Paulo. Dos participantes, 40 são crianças comprovadamente vítimas de violência doméstica (grupo experimental), segundo avaliação na Seção de Psicologia de uma Vara de Infância e Juventude de São Paulo. Os outros 42 sujeitos (grupo de controle) são crianças sem queixa de vitimização. Cada desenho foi classificado de acordo com a presença ou ausência de seis características gráficas gerais: dimensão pequena da figura humana, ausência de pés, ausência de mãos, ausência de detalhes, chuva (chuva como lágrimas, chuva setorizada e raios) e guarda-chuva. As freqüências de cada característica foram calculadas e comparadas nos dois grupos através do teste de Qui-quadrado. Além da pesquisadora, foi realizada análise às cegas por outros dois juízes, por meio do teste de correlação de Pearson. Com isso, verificou-seconcordância entre as avaliações, dando confiabilidade à análise realizada. A análise dos dados indicou que três características foram capazes de discriminar o grupo de crianças vitimizadas do grupo de controle: ausência de detalhes, ausência de guarda-chuva e chuva setorizada, todas elas mais presentes nas crianças com a condição de vitimização. O Desenho da Pessoa na Chuva pode auxiliar o psicólogo em sua investigação, a qual, contudo, deve contemplar outras técnicas de avaliação e várias fontes de informação. Como um instrumento projetivo, a Pessoa na Chuva pode ajudar a promover o estabelecimento de vínculos de confiança e favorecer a comunicação entre criança e profissional, permitindo, com isso, melhor compreensão do sofrimento inerente à experiência abusiva. Espera-se, com esse trabalho, incentivar a realização de outros estudos, quantitativos e qualitativos, com vistas à validação da técnica na população brasileira
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 28.05.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VAGOSTELLO, Lucilena; TARDIVO, Leila Salomão de la Plata Cury. O emprego da Técnica do Desenho da Pessoa na Chuva: uma contribuição ao estudo psicológico de crianças vítimas de violência doméstica. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Vagostello, L., & Tardivo, L. S. de la P. C. (2007). O emprego da Técnica do Desenho da Pessoa na Chuva: uma contribuição ao estudo psicológico de crianças vítimas de violência doméstica. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Vagostello L, Tardivo LS de la PC. O emprego da Técnica do Desenho da Pessoa na Chuva: uma contribuição ao estudo psicológico de crianças vítimas de violência doméstica. 2007 ;
    • Vancouver

      Vagostello L, Tardivo LS de la PC. O emprego da Técnica do Desenho da Pessoa na Chuva: uma contribuição ao estudo psicológico de crianças vítimas de violência doméstica. 2007 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020