Exportar registro bibliográfico

Determinação do tempo de equilíbrio (patamar) do óxido de deutério na saliva de recém-nascidos a termo saudáveis (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: TRAVER, LUÍS ÂNGELO MARTI - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RPP
  • Subjects: RECÉM-NASCIDO; SALIVA; EQUILÍBRIO
  • Language: Português
  • Abstract: A análise de composição corporal constitui tema de grande importância para prática clínica diária, sendo que diversos métodos podem ser empregados para a determinação da composição corporal. Dentre esses métodos, o interesse no uso de isótopos estáveis tem ganhado cada vez mais espaço entre a comunidade científica. Dentre os isótopos estáveis, o deutério tem despontado como marcador de escolha para pesquisas clínicas em diversas faixas etárias, sobretudo em Pediatria. Entretanto, para que as análises que utilizam o método de diluição do deutério no cálculo da água corporal total possam apresentar real confiabilidade, etapas rigorosas da metodologia de seu uso devem ser respeitadas. Um aspecto fundamental para o uso do deutério é o conhecimento de seu tempo de equilíbrio ou momento em que é atingido o patamar de equilíbrio isotópico de seus níveis no fluido corporal a ser utilizado, uma vez que a coleta de amostras biológicas em períodos de tempo inadequados pode levar ao erro dos resultados obtidos. Com o objetivo de se determinar o tempo de equilíbrio do deutério na saliva de pacientes neonatais após a ingestão de uma dose oral desse isótopo, este estudo avaliou vinte recém-nascidos a termo saudáveis, sendo dez do sexo masculino e dez do sexo feminino. Cada recém-nascido avaliado teve uma amostra de saliva coletada antes de receber uma dose oral de 100mg/Kg de óxido de deutério na concentração de 10 átomos%. Posteriormente foram coletadas amostras salivares porcinco horas consecutivas, com intervalo de tempo de uma hora entre cada coleta. A análise dos níveis de enriquecimento do deutério para a constatação de seu tempo de equilíbrio foi realizada através do espectrômetro de massas de razões isotópicas, conforme as normas padronizadas pela Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA). O resultado obtido permite afirmar que o equilíbrio ou patamar do óxido de deutério na saliva dos recém-nascidos estudados ocorreu a partir da terceira hora após a ingestão oral do isótopo. Para o melhor de nosso conhecimento, este é o primeiro estudo sobre o tempo de equilíbrio do deutério em saliva de recém-nascidos a termo, amamentados ao seio durante as avaliações
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 12.06.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TRAVER, Luís Ângelo Marti; CAMELO JÚNIOR, José Simon. Determinação do tempo de equilíbrio (patamar) do óxido de deutério na saliva de recém-nascidos a termo saudáveis. 2007.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007.
    • APA

      Traver, L. Â. M., & Camelo Júnior, J. S. (2007). Determinação do tempo de equilíbrio (patamar) do óxido de deutério na saliva de recém-nascidos a termo saudáveis. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Traver LÂM, Camelo Júnior JS. Determinação do tempo de equilíbrio (patamar) do óxido de deutério na saliva de recém-nascidos a termo saudáveis. 2007 ;
    • Vancouver

      Traver LÂM, Camelo Júnior JS. Determinação do tempo de equilíbrio (patamar) do óxido de deutério na saliva de recém-nascidos a termo saudáveis. 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021