Exportar registro bibliográfico

Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: VENTURINI, MICHELE ALICE FRANÇOISE ANITA - FMVZ
  • Unidades: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VCI
  • Subjects: ODONTOLOGIA VETERINÁRIA; ANIMAIS DOMÉSTICOS; ANIMAIS SILVESTRES; PREVALÊNCIA; AFECÇÕES ORAIS
  • Language: Português
  • Abstract: Este levantamento retrospectivo teve por objetivos verificar quais animais de companhia foram levados para atendimento odontológico, avaliar quais foram as afecções mais freqüentes na cavidade oral destes animais, avaliar o grau de conscientização dos proprietários e a metodologia de preenchimento dos prontuários. As 3055 fichas cadastradas em um período de 44 meses foram analisadas de forma seqüencial. Os dados coletados foram espécie, raça, sexo, idade, peso, realização de consulta prévia ao tratamento, afecção presente, realização ou não de tratamento após consulta e retorno após um ano. As moléstias foram divididas em doença periodontal grave, moderada e leve, gengivite, fratura dental e qual dente foi acometido, presença de pelo menos um dente com lesão de reabsorção odontoclástica dos felinos, presença de complexo gengivite-estomatite-faringite nos felinos, fraturas em mandíbula e maxila, neoplasias benignas e malignas, persistência de dentes decíduos e alterações específicas dos sagüis, roedores e lagomorfos domésticos. Após o levantamento, as informações obtidas foram analisadas estatisticamente pelo teste de Qui-quadrado para avaliar a correlação de cada afecção com variáveis como faixa etária, sexo, e tamanho do animal. Das 3055 fichas avaliadas, 2300 foram de caninos, 588 de felinos, 99 de chinchilas, 41 de sagüis, 17 de porquinhos da índia, 9 de coelhos e uma de hamster. Para os cães e gatos, a afecção periodontal foi a de maior freqüência, acometendo 71,4% doscães e 74% dos gatos. Observou-se correlação estatisticamente significante entre a doença periodontal e tamanho e idade do animal. A doença periodontal é mais freqüente em animais de mais idade (acima de 7 anos) e de porte pequeno (abaixo de 10 quilogramas), enquanto a gengivite ocorre mais em animais mais jovens ou com mais de trinta quilogramas. A persistência de dentes decíduos esteve freqüente ) em 11,6% dos cães, acometendo de forma estatisticamente significante os animais com menos de dez quilogramas. As fraturas dentais estavam presentes em 20,4% dos cães e 30,6% dos gatos, sendo que em ambas as espécies, os caninos foram os dentes que mais fraturaram. Entre os felinos, 41% apresentaram pelo menos um dente com lesão de reabsorção odontoclástica e 11,7%, complexo gengivite-estomatite-faringite. As neoplasias benignas e malignas acometeram 11,05% dos cães e 9,18% dos felinos, sendo que o melanoma, o carcinoma e os epúlides foram os mais freqüentes no cão e o carcinoma foi a principal neoformação nos felinos. Para os roedores e lagomorfos, as pontas dentárias e o desalinhamento oclusal foram as alterações mais vistas. Nos sagüis, a doença periodontal e as fraturas de dentes caninos estiveram presentes em 43,9% e 56,1% dos casos, respectivamente. Dos cães e gatos que fizeram consulta, 79% realizaram tratamento e apenas 5% retornaram após um ano de tratamento. Pôde-se concluir que além dos cães e gatos, outras espécies são encaminhadas ao atendimentoodontológico; que existem outras afecções, além da doença periodontal, que acometem a cavidade oral dos animais domésticos; que a saúde oral ainda não é prioridade para os proprietários e que as anotações realizadas durante a rotina de atendimento podem apresentar falhas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.02.2007
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      VENTURINI, Michele Alice Françoise Anita; GIOSO, Marco Antonio. Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-14052007-081635/ >.
    • APA

      Venturini, M. A. F. A., & Gioso, M. A. (2007). Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-14052007-081635/
    • NLM

      Venturini MAFA, Gioso MA. Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-14052007-081635/
    • Vancouver

      Venturini MAFA, Gioso MA. Estudo retrospectivo de 3055 animais atendidos no ODONTOVET® (Centro Odontológico Veterinário) durante 44 meses [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10137/tde-14052007-081635/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020