Exportar registro bibliográfico

Contribuição à gênese e caracterização tecnológica das argilas da região de Uberaba, Minas Gerais (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: CORREA, WALDOMIRO LUNARDI PIRES - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GSA
  • Subjects: ARGILAS; CERÂMICA (ENSAIOS)
  • Language: Português
  • Abstract: As argilas da região de Uberaba, MG, foram estudadas tendo como objetivo contribuir para o conhecimento de sua gênese, mineralogia e aplicações tecnológicas em cerâmica de materiais refratários. Inicialmente foram identificadas duas áreas de argilas refratárias, uma com maior, e a outra com menor teor de alumina. Em função da análise de documentos, tais como pedidos de licença de lavra junto ao DNPM, planos de mineração e respectivos mapas e croquis das empresas que se utilizam dessas argilas, de informações fornecidas pelos mineradores de argilas refratárias, e de observações no campo das ocorrências, coletaram-se amostras de três bacias denominadas: Boa Esperança, Caraço e Tijuco. As amostras foram estudadas por meio de análises granulométricas, microscopia óptica dos resíduos leves e pesados, difração de raios X, análises térmicas: diferencial e termogravimétrica, análises químicas, microscopia eletrônica de varredura da fração argila e ensaios cerâmicos: módulo de ruptura à flexão, absorção de água, porosidade aparente, em corpos de prova prensados, cone pirométrico, e consumo de defloculante. Os resultados das análises granulométricas sugerem que nas três bacias predominou um ambiente de baixa energia, com regime de sedimentação em águas calmas, provavelmente produto de planícies de inundação. Os sedimentos são constituídos basicamente pelos minerais caulinita, gibbsita, quartzo, mais raramente micas. A presença de quartzo com baixo grau de arredondamento eesfericidade sugere a possibilidade da contribuição de rochas próximas. Os minerais pesados, zircão, turmalina e rutilo, com elevado grau de esfericidade e arredondamento, parecem indicar que as argilas teriam se originado pelo retrabalhamento de rochas sedimentares. Já a presença de cianita (majoritário), estaurolita e sillimanita, com baixo grau de esfericidade e arredondamento, evidenciam a contribuição ) de rochas metamórficas. Do ponto de vista cerâmico, os materiais estudados podem ser classificados como argilas refratárias. As mais aluminosas são indicadas para a fabricação de chamotes para refratários sílicoaluminosos a aluminosos, ocorrem preferencialmente na região de Caraço e Tijuco. As menos aluminosas podem ser utilizadas como argilas ligantes para chamotas ou como componentes de massas para cerâmica branca, típicas da área de Boa Esperança. Estas podem ser utilizadas, quando o teor de gibbsita na composição não exceder a 14%, por processos via úmida (colagem). As mais aluminosas, além do consumo elevado do defloculante, tem comportamento tixotrópico em suspensão aquosa, não sendo recomendadas para produção de materiais refratários por colagem
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.03.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CORREA, Waldomiro Lunardi Pires; CARVALHO, A. Contribuição à gênese e caracterização tecnológica das argilas da região de Uberaba, Minas Gerais. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-17042007-100206/ >.
    • APA

      Correa, W. L. P., & Carvalho, A. (2007). Contribuição à gênese e caracterização tecnológica das argilas da região de Uberaba, Minas Gerais. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-17042007-100206/
    • NLM

      Correa WLP, Carvalho A. Contribuição à gênese e caracterização tecnológica das argilas da região de Uberaba, Minas Gerais [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-17042007-100206/
    • Vancouver

      Correa WLP, Carvalho A. Contribuição à gênese e caracterização tecnológica das argilas da região de Uberaba, Minas Gerais [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-17042007-100206/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020