Exportar registro bibliográfico

Estudos estruturais e funcionais sobre duas lectinas: cadeia B recombinante da Pulchellina & Camptosemina (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: GOTO, LEANDRO SEIJI - IFSC
  • Unidade: IFSC
  • Sigla do Departamento: FFI
  • Subjects: BIOLOGIA MOLECULAR; PROTEÍNAS
  • Language: Português
  • Abstract: Lectinas estão situadas dentro de um grupo estruturalmente diverso de proteínas que se ligam a carboidratos e glicoconjugados com grande especificidade. Encontradas em diversos organismos, elas são moléculas extremamente úteis na caracterização de sacarídeos, como agentes mediadores de endereçamento de fármacos ou até mesmo como marcadores de superfície celular. A pulchellina é uma glicoproteína heterodimérica ligante de D-Galactose oriunda de sementes de Abrus pulchellus e classificada como proteína inativadora de ribossomo do tipo 2 ("type 2 ribosome-inactivating protein" - type 2 RIP). A cadeia B recombinante da pulchellina (rPBC) foi previamente produzida em E. coli BL21(DE3). Neste presente trabalho, a rPBC é analisada quanto a sua atividade, interação com células de mamíferos "in vitro" e estabilidade estrutural. Os resultados indicam que a rPBC possui seletividade quanto a tipos celulares alvo e é endocitada ativamente, provavelmente compartilhando a via de endocitose descrita para outras RIPs. Além disto, a rPBC foi unida à cadeia catalítica e o heterodímero resultante demonstrou toxicidade similar à da holotoxina nativa, confirmando a atividade da rPBC e atribuindo-lhe papel essencial no mecanismo de intoxicação. Uma segunda parte deste trabalho tratou de outra lectina, extraída de sementes de Camptosema ellipticum. Recentemente, experimentos com extratos aquosos obtidos a partir de sementes de Camptosema ellipticum demonstraram possuir atividadehemaglutinante frente a hemácias humanas. Tal atividade foi atribuída a um dado componente protéico que foi então purificado através de cromatografias de troca iônica e exclusão molecular. A proteína, então chamada camptosemina, demonstrou ocorrer na forma de um tetrâmero e cujo estado de oligomerização pode ser controlado pelo pH do meio. ) Informações sobre a seqüência primária na porção amino-terminal, obtidas por seqüenciamento de aminoácidos, permitiram o desenho de oligonucleotídeos degenerados para a amplificação e clonagem de seu cDNA. As seqüências dos clones obtidos foram submetidas a diversas rotinas de procura de dados do NCBI. Entre os resultados retornados encontraram-se a concanavalina e a aglutinina de amendoim, dois representantes da chamada família de lectinas de leguminosas. Representantes deste grupo compartilham com a camptosemina o tamanho de seus monômeros e a forma de controle de seus graus de oligomerização. O presente trabalho traz a caracterização preliminar da camptosemina quanto a sua seqüência primária e oligomerização através de técnicas de clonagem e de espectroscopia. Foi possível a clonagem de duas variantes para o cDNA da camptosemina cujas seqüências prevêem um peptídeo sinal N-terminal ausente na proteína madura. As seqüências primárias deduzidas são muito semelhantes entre si e em comparação com outros membros da família de lectinas de leguminosas. A camptosemina se demonstrou extremamente resistente a mudanças detemperatura, exibindo sua dissociação em monômeros somente sob pHs extremamente ácidos ou alcalinos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.02.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      GOTO, Leandro Seiji; ARAÚJO, Ana Paula Ulian de. Estudos estruturais e funcionais sobre duas lectinas: cadeia B recombinante da Pulchellina & Camptosemina. 2007.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-29032007-121740/ >.
    • APA

      Goto, L. S., & Araújo, A. P. U. de. (2007). Estudos estruturais e funcionais sobre duas lectinas: cadeia B recombinante da Pulchellina & Camptosemina. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-29032007-121740/
    • NLM

      Goto LS, Araújo APU de. Estudos estruturais e funcionais sobre duas lectinas: cadeia B recombinante da Pulchellina & Camptosemina [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-29032007-121740/
    • Vancouver

      Goto LS, Araújo APU de. Estudos estruturais e funcionais sobre duas lectinas: cadeia B recombinante da Pulchellina & Camptosemina [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/76/76132/tde-29032007-121740/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020