Exportar registro bibliográfico

O discurso como prática social: representações e identidades de/sobre professores de literatura (2007)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SANT'ANNA, JACQUELINE BRITTO - FE
  • Unidades: FE
  • Sigla do Departamento: EDM
  • Subjects: LITERATURA (EDUCAÇÃO;ESTUDO E ENSINO); LINGUAGEM (EDUCAÇÃO;ESTUDO E ENSINO); ENSINO FUNDAMENTAL; FORMAÇÃO DE PROFESSORES
  • Language: Português
  • Abstract: A presente pesquisa se insere na área da Linguagem e Educação e tem como principal objetivo discutir as representações de/sobre o professor de Literatura do ensino básico, presente em discursos autorizados a apontar e alimentar uma repetível e estereotipada falta: em sua prática, em seus conhecimentos e, ironicamente, em sua formação. Tendo em vista as relações de poder que atravessam as formações discursivas no campo da Educação, as perspectivas teóricas da discussão estão pautadas nos Estudos Culturais e na Análise de Discurso, com vistas a discutir a produção de representações e o desenho de fronteiras que suturam as identidades dos sujeitos instados pelas ideologias. Por estarem inseridos nos paradigmas pós-pós-modernidade, pós-estruturalismo e pós-colonialismo - os deslocamentos dos sujeitos na Educação fazem com que estes se posicionem em diferentes fronteiras, respondendo a diferentes jogos de poder representados nos discursos com os quais se mantém em negociação. No caso desta pesquisa, o professor de literatura age em seus discursos na escola e na Universidade produzindo representações sobre si e sobre sua formação e sua ação repercute nas condições simbólicas e materiais que o inscrevem na cultura. A movimentação do professor entre essas fronteiras, nos discursos, resulta nas diferentes suturas de identidades que produz, ou seja, as formações discursivas nas quais ele se inscreve e no interior das quais se move, são fronteiriças e, por vezes,conseqüentemente, exc1udentes e politicamente nocivas à Educação e mesmo à sua identidade. Assim, esta pesquisa é uma agência na cultura, como uma possibilidade de diálogo, entre as fronteiras no campo da Educação, sem que este seja pautado na sustentação dos lugares de poder por meio da imagem da falta apontada no outro, ou seja, por meio da manutenção das relações de dominação de herança colonial.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.03.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SANT'ANNA, Jacqueline Britto; BARZOTTO, Valdir Heitor. O discurso como prática social: representações e identidades de/sobre professores de literatura. 2007.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007.
    • APA

      Sant'Anna, J. B., & Barzotto, V. H. (2007). O discurso como prática social: representações e identidades de/sobre professores de literatura. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Sant'Anna JB, Barzotto VH. O discurso como prática social: representações e identidades de/sobre professores de literatura. 2007 ;
    • Vancouver

      Sant'Anna JB, Barzotto VH. O discurso como prática social: representações e identidades de/sobre professores de literatura. 2007 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020