Exportar registro bibliográfico

Análise molecular da modulação dos sistemas renina-angiotensina e calicreínas-cicinas em modelo experimental de epilepsia (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, MARILIA GABRIELLA ALVES GOULART - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RBI
  • Subjects: EPILEPSIA (EXPERIMENTAÇÃO); PROTEÍNAS; RECEPTORES; BIOQUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: As epilepsias são distúrbios neurológicos caracterizados pela hiperexcitabilidade do sistema nervoso central (SNC), decorrente do desequilíbrio entre mecanismos excitatórios e inibitórios. Estudos dos sistemas Renina- Angiotensina (SRA) e Calicreínas-Cininas (SCC) são classicamente voltados aos mecanismos de controle da pressão arterial e processos inflamatórios. Porém, no .SNC estes sistemas são envolvidos em processos como início e propagação da excitabilidade e, conseqüentemente, podem estar envolvidos no disparo ou desenvolvimento das epilepsias. A cepa Wistar audiogenic rat (WAR) foi o modelo experimental de epilepsia escolhido devido à sua analogia para dois tipos de epilepsia com alta taxa de ocorrência entre humanos: as epilepsias generalizadas tônico-clônicas (modeladas por crises audiogênicas agudas, dependentes de substratos do tronco cerebral) e a epilepsia do lobo temporal (ELT) (modeladas pelo kindling ou abrasamento audiogênico, o qual, após repetição de crises audiogênicas, induz recrutamento de regiões límbicas). Através das técnicas de RT-PCR foram analisadas os níveis de expressões dos mRNAs de componentes dos SRA e SCC em regiões do SNC relacionadas ao disparo e à propagação da hiperexcitabilidade no SNC. Para uma análise comparativa, os mesmos componentes foram também analisados a partir de tecido cardíaco. Os resultados obtidos mostram que: (i) todos os componentes do SRA (a enzima conversora de angiotensina (ECA) e osreceptores ‘AT IND. 1’, ‘AT IND. 2’ e mas) assim como do SCC (receptores ‘B IND. 1’ e ‘B IND. 2’) não são expressos em animais recém nascidos da cepa WAR quando comparados a Wistar; (ii) todos os componentes do SRA e do SCC analisados apresentam uma regulação positiva em WARs com ELT quando comparados aos WAR nalve; (iii) as citocinas IL-1’beta’ e a IL-10 não estão moduladas na EL T e, .(iv) os componentes do SRA e do SCC possuem uma modulação distinta no coração quando comparada àquela observada nos tecidos do SNC. Nossos dados indicam que a suscetibilidade às crises audiogênicas da cepa WAR não está relacionada a uma diferença inata da expressão dos componentes dos SRA e SCC, uma vez que não foi observada modulação destes componentes em animais recém nascidos. Entretanto, a participação destes componentes possivelmente esteja relacionada a epileptogênese ou ao estabelecimento da EL T através de processos plásticos e excitatórios de longo prazo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.03.2007

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Marília Gabriella Alves Goulart; COSTA NETO, Cláudio Miguel da. Análise molecular da modulação dos sistemas renina-angiotensina e calicreínas-cicinas em modelo experimental de epilepsia. 2007.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007.
    • APA

      Pereira, M. G. A. G., & Costa Neto, C. M. da. (2007). Análise molecular da modulação dos sistemas renina-angiotensina e calicreínas-cicinas em modelo experimental de epilepsia. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Pereira MGAG, Costa Neto CM da. Análise molecular da modulação dos sistemas renina-angiotensina e calicreínas-cicinas em modelo experimental de epilepsia. 2007 ;
    • Vancouver

      Pereira MGAG, Costa Neto CM da. Análise molecular da modulação dos sistemas renina-angiotensina e calicreínas-cicinas em modelo experimental de epilepsia. 2007 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021