Exportar registro bibliográfico

Subsídios para o zoneamento marinho do litoral norte do Estado de São Paulo: um estudo do sucesso do assentamento larval de decápodos costeiros (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: MOREIRA, FABIANA TAVARES - PROCAM
  • Unidade: PROCAM
  • Subjects: CRUSTACEA; MIGRAÇÃO VERTICAL; ZONEAMENTO COSTEIRO; LARVA
  • Language: Português
  • Abstract: O presente estudo foi realizado ao longo de uma linha de costa, incluindo duas enseadas em Ubatuba-SP, Brasil. Os objetivos principais foram: (1) Examinar, em seis costões rochosos, séries temporais de assentamento larval de decápodos, afim de entender forçantes físicas associadas ao transporte em direção à costa, (2) Localizar agregações larvais no plâncton neustônico costeiro, para inferir a natureza das agregações e verificar a ocorrência de migração vertical em decápodos, (3) testar a relação entre suprimento e assentamento larval, a diferentes escalas espaciais. O papel da competência larval foi discutido à luz de evidências obtidas através amostragem planctônica em diferentes áreas dentro das enseadas e comparações inter e intra-taxonômicas. Entre maio e agosto de 2005, foram realizadas coletas, a cada dois dias, para estimar a taxa de assentamento larval de grupos de decápodes em coletores artificiais. Durante dois períodos de maior assentamento de Pachygrapsus transversus, a ocorrência nictemeral neustônica, desta e de outras espécies de decápodes foi avaliada. Sub-amostras de megalopas de brachyura foram separadas para mensuração do nível de competência larval, através do cultivo de larvas, obtendo estimativas do tempo decorrido até a muda, e através do estágio de muda de indivíduos previamente fixados. Modelos Log-lineares foram utilizados para testar o efeito do vento e da maré na taxa de assentamento, e os resultados foram confrontados comcenários de correntes superficiais fornecidos pelo modelo hidrodinâmico de circulação. Amostras planctônicas revelaram que agregações larvais são coincidentes com zonas de convergência, provavelmente causadas pela formação de ondas internas. Um conjunto de espécies de camarão sofre migração vertical típica, enquanto um padrão de migração reversa foi encontrado para grapsídeos, o que pode auxiliar no transporte em direção à costa para áreas de assentamento devido ) a brisas marinhas. Portunídeos não apresentaram tendência de migração vertical. A competência parece ser melhor estimada através do método de cultivo. Em áreas dentro das enseadas, megalopas de portunídeos parecem ser mais competentes ao assentamento que as de grapsídeos, provavelmente por estarem mais próximas aos locais de assentamento. Megalopas neustônicas de P. transversus coletadas dentro das enseadas são menos competentes que as obtidas em coletores artificiais. O estágio transicional não foi capturado, sugerindo que a transição para o bentos e o desenvolvimento até estágios competentes são mais complexos do que normalmente assumido. Não foi encontrada correlação significativa entre o suprimento de megalopas e a taxa de assentamento. A taxa de assentamento de decápodes, que habitam a região entre-marés de costões rochosos, é aparentemente dependente da interação das forçantes de vento, maré e comportamento larval. As taxas de assentamento de grapsídeos e palemonídeos seguem o ritmosemi-lunar, com ocorrência máxima próximo às marés de quadratura, corroborando a hipótese de que ondas internas geradas pela maré são também responsáveis pelo transporte de decápodos costeiros. Ventos em direção à costa foram identificados como agentes chave, apesar de dependentes do regime de marés, enquanto que ventos de nordeste provavelmente trazem larvas de locais de produção. Padrões de circulação costeira e contrastes de assentamento consistentes espacialmente indicam que a Enseada do Flamengo é uma importante área de deposição de larvas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 21.08.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOREIRA, Fabiana Tavares; HARARI, Joseph; FLORES, Augusto Alberto Valero. Subsídios para o zoneamento marinho do litoral norte do Estado de São Paulo: um estudo do sucesso do assentamento larval de decápodos costeiros. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-25112011-100835/pt-br.php >.
    • APA

      Moreira, F. T., Harari, J., & Flores, A. A. V. (2006). Subsídios para o zoneamento marinho do litoral norte do Estado de São Paulo: um estudo do sucesso do assentamento larval de decápodos costeiros. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-25112011-100835/pt-br.php
    • NLM

      Moreira FT, Harari J, Flores AAV. Subsídios para o zoneamento marinho do litoral norte do Estado de São Paulo: um estudo do sucesso do assentamento larval de decápodos costeiros [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-25112011-100835/pt-br.php
    • Vancouver

      Moreira FT, Harari J, Flores AAV. Subsídios para o zoneamento marinho do litoral norte do Estado de São Paulo: um estudo do sucesso do assentamento larval de decápodos costeiros [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/90/90131/tde-25112011-100835/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021