Exportar registro bibliográfico

Avaliação do programa de humanização do pré-natal e nascimento (phpn) na dir XI - Botucatu (2006)

  • Autor:
  • Autor USP: PARADA, CRISTINA MARIA GARCIA DE LIMA - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERM
  • Subjects: CUIDADO PRÉ-NATAL; AVALIAÇÃO DE PROCESSOS E RESULTADOS; SAÚDE MATERNO-INFANTIL
  • Language: Português
  • Abstract: Este estudo teve como objetivo geral avaliar o Programa de Humanização do Pré­-Natal e Nascimento (PHPN) na Direção Regional de Saúde (DIR) XI, nos componentes estrutura, processo e resultados. Foram avaliados 20 municípios e 12 maternidades neles localizadas. Para análise quantitativa, foram entrevistados todos os gestores municipais e das maternidades; realizou-se a observação de partos ocorridos e dos cartões de pré-natal apresentados pelas parturientes; foi realizada análise de prontuários de partos e de pré-natal amostrados e utilizados dados dos questionários dos observadores das maternidades. A abordagem qualitativa incluiu a análise da entrevista com as puérperas e das impressões dos observadores sobre o serviço. Pela tentativa de aproximação entre a abordagem positivista e a compreensivista, entre métodos quantitativos e qualitativos, entre desenhos diversos e entre várias técnicas, se considera que essa investigação seguiu princípios da avaliação por triangulação de métodos. Os resultados obtidos permitem afirmar que a adesão da totalidade dos municípios ao PHPN não representa pleno funcionamento do Programa, havendo, entre outros, problemas de inconsistências de dados no SISPRENATAL. No pré-natal, apenas 3,7% das mulheres concluíram o tratamento, evidenciando dificuldades em proporcionar o conjunto das atividades preconizadas a todas as mulheres. Na atenção ao parto, práticas demonstrada mente úteis ainda são pouco utilizadas, como: a liberdade de posição emovimento durante o trabalho de parto; respeito à privacidade, apoio emocional, permissão de acompanhante e fornecimento das informações desejadas à parturiente; utilização de métodos não invasivos para alívio da dor e contato cutâneo precoce entre mãe e filho. A avaliação do resultado da assistência mostrou que o PHPN não trouxe impacto positivo ao número de óbitos matemos, neonatais e casos de sífilis congênita, nem à taxa de cesárea e que os ) relatórios do SISPRENATAL ainda são pouco usados. O olhar da humanização sobre os discursos das puérperas evidencia uma representação de cuidado a partir de relações interpessoais, incluindo o acolhimento e apoio nas diferentes etapas do processo; da qualidade técnica do atendimento e da percepção de que é a mulher o sujeito da atenção. As impressões dos observadores sobre os recursos das maternidades observadas evidenciaram problemas, especialmente com relação aos recursos humanos. Finalizando, destaca-se que o PHPN, na DIR XI, não viabilizou a humanização do cuidado na atenção pré-natal e ao parto, sendo apenas um instrumento de gestão subutilizado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.09.2006

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PARADA, Cristina Maria Garcia de Lima. Avaliação do programa de humanização do pré-natal e nascimento (phpn) na dir XI - Botucatu. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Parada, C. M. G. de L. (2006). Avaliação do programa de humanização do pré-natal e nascimento (phpn) na dir XI - Botucatu. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Parada CMG de L. Avaliação do programa de humanização do pré-natal e nascimento (phpn) na dir XI - Botucatu. 2006 ;
    • Vancouver

      Parada CMG de L. Avaliação do programa de humanização do pré-natal e nascimento (phpn) na dir XI - Botucatu. 2006 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020