Exportar registro bibliográfico

Psicossomática e transtorno de somatização: caracterização da demanda em hospital escola no período de 1996 a 2004 (2007)

  • Authors:
  • Autor USP: MARTINS, VANESSA ALVES - EERP
  • Unidade: EERP
  • Sigla do Departamento: ERP
  • Subjects: TRANSTORNOS PSICOFISIOLÓGICOS; HOSPITAIS DE ENSINO; DEMANDA
  • Language: Português
  • Abstract: O termo "Psicossomática" utilizado para designar a inter-relação entre sintomas físicos e fatores emocionais nas diversas patologias variou durante anos provocando confusões nos tratamentos médicos e elevou gastos nos serviços de saúde. O presente estudo busca caracterizar a demanda de pacientes do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (HCFMRP-USP) no período de 1996 a 2004 cujo diagnóstico é Doença Psicossomática. A coleta de dados foi realizada em prontuários médicos, no Serviço de Arquivo Médico (SAME), com a categoria diagnóstica F 45 que, de acordo com o CID-10, significa Transtorno de Somatização; essa categoria foi utilizada como palavra chave no banco de dados. Na busca pelos prontuários foram encontrados 397, porém apenas 136 registravam o diagnóstico F 45, amostra do presente estudo. A coleta foi dificultada devido às letras ilegíveis e à falta de dados nos prontuários relacionados aos itens do instrumento de coleta. A população constitui-se pela maioria nascida no Estado de São Paulo com 43% da amostra, desses 14% nasceram em Ribeirão Preto-SP e 29% nasceram em outras cidades do Estado; são moradores do Estado de São Paulo 48%, desses 26% moram em Ribeirão Preto e 22% moram em outras cidades do Estado; 74,2% dos indivíduos são do sexo feminino; 87% têm cor de pele branca; 57% têm 1° grau incompleto; 70% professam a religião católica. Quanto ao estado civil, tem-se que 57% dos indivíduos sãocasados/amasiados; 52,96% possuem filhos; 32% dos indivíduos vivem com uma pessoa na mesma casa; 43,4% exercem a ocupação do lar e 14% dos indivíduos possuem como fator estressor problemas de saúde. Os indivíduos atendidos na Unidade de Emergência, em sua maior parte, comparecem numa freqüência de até cinco vezes (35%); os atendidos nos ambulatórios do HC, em sua maioria, comparecem numa freqüência de 20 vezes (49%). Os internados possuem a freqüência de ) zero a cinco vezes com 57% dos indivíduos. O local com o maior número de atendidos é a Unidade de Emergência com 43% dos indivíduos da amostra. Os dados encontrados caracterizam a população de indivíduos portadores de Transtorno de Somatização como: mulheres, casadas ou amasiadas, de baixa renda, sem filhos, do lar, com faixa etária entre 43 e 53 anos,de cor branca, com 1° grau de escolaridade incompleta, católicas, que moram com uma pessoa na mesma casa, nascidas em outras cidades do Estado de São Paulo, residentes em Ribeirão Preto e que freqüentam a Unidade de Emergência, onde buscam tratamento imediato para sanar problemas graves, como por exemplo, um infarto. Porém essas pessoas, não realizam um tratamento em longo prazo considerando-se que seus problemas são crônicos. Assim, de acordo com os achados do presente estudo, o número de atendimentos aumenta, pois os portadores do transtorno psicossomático, ou seja, os portadores do transtorno de somatização, ao receberem muitas vezes tratamento para problemasimediatos sentem necessidade em voltar mais vezes para um novo atendimento imediato e, dessa forma, contribuem para o aumento da demanda no atendimento médico, gerando altos custos para o Sistema de saúde. Esse fato talvez pudesse ser minimizado com a conscientização da população sobre o cuidado contínuo de sua saúde
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.02.2007
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MARTINS, Vanessa Alves; PEDRÃO, Luiz Jorge. Psicossomática e transtorno de somatização: caracterização da demanda em hospital escola no período de 1996 a 2004. 2007.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2007. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-13032007-160827/ >.
    • APA

      Martins, V. A., & Pedrão, L. J. (2007). Psicossomática e transtorno de somatização: caracterização da demanda em hospital escola no período de 1996 a 2004. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-13032007-160827/
    • NLM

      Martins VA, Pedrão LJ. Psicossomática e transtorno de somatização: caracterização da demanda em hospital escola no período de 1996 a 2004 [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-13032007-160827/
    • Vancouver

      Martins VA, Pedrão LJ. Psicossomática e transtorno de somatização: caracterização da demanda em hospital escola no período de 1996 a 2004 [Internet]. 2007 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/22/22131/tde-13032007-160827/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020