Exportar registro bibliográfico

Estudo da esterilização por plasma de acoplamento indutivo e análise comparativa com esterilização por óxido de etileno (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: BOSCARIOL, MICHELLE RIGAMONTI - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBF
  • Subjects: CONTROLE BIOLÓGICO DE QUALIDADE DOS FÁRMACOS; MICROBIOLOGIA INDUSTRIAL
  • Language: Português
  • Abstract: Em âmbito hospitalar é crescente o emprego de dispositivos confeccionados de distintos materiais termossensíveis. Assim, o emprego de métodos esterilizantes compatíveis tem sido o foco de muitas pesquisas, dentre as quais destacam-se estudos envolvendo o plasma. O mecanismo de ação deste desenvolve-se com a aplicação de Rádio-Freqüência a gases precursores, resultando na inativação microbiana por espécies altamente reativas. Este método inovador caracteriza-se por não gerar riscos de toxicidade ocupacional e aos pacientes, e ser processado em temperatura próxima ao ambiente. Para análise comparativa foi utilizado o método de esterilização por óxido de etileno (agente químico na forma gasosa). Este gás apresenta características de elevada inflamabilidade, explosividade e toxicidade, por isso é usado diluído em gases inertes, além de deixar residual no material esterilizado, necessitando um controle rigoroso no processo de aeração; porém atualmente é um dos métodos mais utilizados para esterilização de materiais odonto-médico-hospitalares, particularmente os termossensíveis. O principal objetivo deste trabalho foi estudar diferentes parâmetros do processo e seus respectivos resultados, que influenciam na esterilização empregando plasma e compará-Ios com os obtidos empregando óxido de etileno. O equipamento utilizado para o estudo dos processos de esterilização por plasma foi o ICP (Inductively Coupled Plasma). Analisou-se assim para o plasma algumasdistintas combinações de parâmetros, tais como: gases (oxigênio puro e mistura deste com peróxido de hidrogênio a 5,10 e ) 20´POR CENTO´), pressão (330 mTor), vazão do gás (100sccm), temperatura (próxima ao ambiente), potência de rádio-freqüência (300, 350 e 400W), tempos de exposição (com intervalos de 3 a 60 min) e umidade relativa (80´MAIS OU MENOS´5´PORCENTO´). No ICP foram desenvolvidas duas fases planejadas para os processos, seguindo uma programação experimental, já no óxido de etileno foram realizadas três séries de exposições sub-Ietais utilizando mistura esterilizante Oxyfume`MARCA REGISTRADA´ 2002 (10´POR CENTO´ Óxido de Etileno, 63´POR CENTO´ HCFC 124 e 27´PORCENTO´ HCFC 22), sendo os parâmetros padronizados: umidade relativa (40 a 60´POR CENTO´), concentração do gás (450 mg/L), temperatura (55´GRAUS CENTÍGRADOS´) e tempos de exposição (com intervalos de 3 a 15 min). Todos os ciclos foram realizados em triplicata. Esporos de Bacillus subtilis varo niger ATCC 9372 foram obtidos a partir de suspensões de microrganismos e inoculados em suportes na concentração de ´10POT.7´ UFC/suporte para serem utilizados nos estudos dos processos de esterilização. Empregou-se a técnica de Pour P/ate (incubação em estufa por 24horas a 37´GRAUS CENTÍGRADOS´) para a quantificação dos esporos. Para o processo de esterilização por plasma os resultados obtidos forneceram valores D que variaram entre 3 e 8 min, dependendo dos parâmetros testados, e para o processo de esterilização poróxido de etileno o Valor D foi de 2,80 mino Concluiu-se que o processo de esterilização por plasma apresentou resultados interessantes e promissores e os melhores ) resultados foram obtidos com as potências maiores de 350 e 400W para o gás oxigênio puro, caracterizando o plasma como alternativa promissora de esterilização, devido às suas características positivas frente ao óxido de etileno, pois os valores D entre os dois processos de esterilização não apresentaram uma diferença significativa
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.08.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      BOSCARIOL, Michelle Rigamonti; PINTO, Terezinha de Jesus Andreoli. Estudo da esterilização por plasma de acoplamento indutivo e análise comparativa com esterilização por óxido de etileno. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9139/tde-22092006-140807/ >.
    • APA

      Boscariol, M. R., & Pinto, T. de J. A. (2006). Estudo da esterilização por plasma de acoplamento indutivo e análise comparativa com esterilização por óxido de etileno. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9139/tde-22092006-140807/
    • NLM

      Boscariol MR, Pinto T de JA. Estudo da esterilização por plasma de acoplamento indutivo e análise comparativa com esterilização por óxido de etileno [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9139/tde-22092006-140807/
    • Vancouver

      Boscariol MR, Pinto T de JA. Estudo da esterilização por plasma de acoplamento indutivo e análise comparativa com esterilização por óxido de etileno [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9139/tde-22092006-140807/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021