Exportar registro bibliográfico

Capacidade preditiva da subescala Nutrição da Escala de Braden para avaliar o risco de desenvolvimento de úlceras por pressão (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: SERPA, LETICIA FARIA - EE
  • Unidade: EE
  • Sigla do Departamento: ENC
  • Subjects: NUTRIÇÃO HUMANA; DESNUTRIÇÃO PROTEICO-ENERGÉTICA; ÚLCERA (DESENVOLVIMENTO); FATORES DE RISCO
  • Language: Português
  • Abstract: Variáveis nutricionais têm sido consideradas preditoras de risco para o desenvolvimento de úlceras por pressão (UP). A subescala nutrição da escala de Braden, que avalia o consumo alimentar, parece apresentar certa fragilidade para especificar o risco. Muitos estudos ressaltam aspectos mais amplos do estado nutricional associados ao risco de UP. O objetivo deste estudo foi avaliar a capacidade da subescala Nutrição da escala de Braden para predizer o risco de desenvolver UP e verificar as associações estatísticas existentes entre essa subescala e indicadores nutricionais objetivos e sujetivos, além das variáveis demográficas e clínicas, e o desenvolvimento de UP. Após aprovação pelos comitês de ética de duas instituições privadas do Município de SP, 170 pacientes adultos hospitalizados, em risco para desenvolvimento de UP (escore de =18), foram avaliados durante, no mínimo, uma semana. Os pacientes foram submetidos à avaliação do risco para UP - por meio da Escala de Braden - e da pele a cada 48 horas, às avaliações objetivas e subjetivas na admissão e a cada sete dias e avaliação da aceitação da terapia nutricional diariamente. Para estabelecer o poder preditivo das variáveis independentes em relação ao desenvolvimento de UP, empregaram-se análises de regressão logística univariada e múltipla (quatro modelos). A maioria dos pacientes era do sexo masculino (57,05%); média etária de 66,99 ±15,43 e 17,76 ± 16,77 dias de internação, em média. Os escores médios de riscoforam 12,26 e 15,03, respectivamente para os pacientes com e sem UP (p<0,001). Quatorze pacientes desenvolveram UP, gerando incidência de 8,23%. Na modelo 4 da análise da regressão logística multivariada, a subescala nutrição não permanece, sendo a albumina (OR=5,226, p< 0,001), a ANSG (OR=3,246, p< 0,001) e a idade (OR=1,594, p< 0,001) as preditoras mais importantes. Os resultados evidenciaram que, ao não permanecer no modelo final de regressão, ) a subescala nutrição da escala de Braden não foi preditora para desenvolvimento de UP na amostra do estudo. Embora a albumina tenha sido o indicador preditivo mais importante - fato corroborado na literatura internacional - seu custo limita sua utilização. Por outro lado, a ANSG desponta como parâmetro nutricional complementar interessante e promissor por ser simples, de baixo custo e de uso multidisciplinar
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.12.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SERPA, Letícia Faria; SANTOS, Vera Lúcia Conceição de Gouveia. Capacidade preditiva da subescala Nutrição da Escala de Braden para avaliar o risco de desenvolvimento de úlceras por pressão. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-15012007-151233/ >.
    • APA

      Serpa, L. F., & Santos, V. L. C. de G. (2006). Capacidade preditiva da subescala Nutrição da Escala de Braden para avaliar o risco de desenvolvimento de úlceras por pressão. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-15012007-151233/
    • NLM

      Serpa LF, Santos VLC de G. Capacidade preditiva da subescala Nutrição da Escala de Braden para avaliar o risco de desenvolvimento de úlceras por pressão [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-15012007-151233/
    • Vancouver

      Serpa LF, Santos VLC de G. Capacidade preditiva da subescala Nutrição da Escala de Braden para avaliar o risco de desenvolvimento de úlceras por pressão [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-15012007-151233/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021