Exportar registro bibliográfico

Análise clínica comparativa entre duas técnicas cirúrgicas para o uso do enxerto de matriz dérmica acelular no tratamento de recessões gengivais (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: FELIPE, MARIA EMÍLIA MESQUITA CANSANÇÃO - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 806
  • Subjects: PERIODONTIA; OSSEOINTEGRAÇÃO; REGENERAÇÃO TECIDUAL GUIADA; IMPLANTODONTIA
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivo: Este estudo tem como objetivo comparar duas técnicas cirúrgicas para tratamento de recessões gengivais, utilizando o enxerto de matriz dérmica acelular, a fim de verificar se a ausência de incisões relaxantes é capaz de garantir uma maior previsibilidade do recobrimento radicular, otimização do resultado estético e diminuição do desconforto pós-operatório. Material e métodos: Trinta recessões gengivais bilaterais Classe I ou II de Miller 'OU=' 2mm foram selecionadas e aleatoriamente incluídas nos grupos teste e controle. No grupo controle (GC) realizou-se a técnica preconizada por Barros et al na em que incisões relaxantes são realizadas distantes da recessão gengival a ser tratada pelo EMDA, e no grupo teste (GT), as incisões relaxantes estavam ausentes sendo as incisões intrasulculares unidas por incisões horizontais feitas na base da papila ao nível ou ligeiramente coronal à JCE. Em ambos os grupos um retalho cirúrgico amplo foi criado. Os parâmetros clínicos de profundidade de sondagem (PS), nível clínico de inserção relativo (NCIR), recessão gengival (RG), quantidade e espessura de mucosa ceratinizada (QMC e EMC, respectivamente) foram obtidos no exame inicial e 6 meses após às cirurgias. A avaliação da estética e da dor e/ou desconforto pós operatório também foram comparados entre os grupos. Resultados: O GT e o GC apresentaram uma melhora no NCIR, RG e EMC após 6 meses. Na comparação entre os grupos, obteve-se uma diferençaestatisticamente significante em favor do grupo controle na porcentagem de recobrimento radicular (teste: 84,81% e controle: 68,69%). A ausência de incisões verticais relaxantes não beneficiou a estética nem foi capaz de minimizar significativamente o desconforto pós-operatório dos pacientes. Conclusão: A ausência de incisões relaxantes não otimiza a previsibilidade do tratamento de recessões gengivais localizadas com EMDA sendo a técnica utilizada no grupo ) controle, em que incisões relaxantes são realizadas, a mais adequada para este tipo de tratamento
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 29.09.2006

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FELIPE, Maria Emília Mesquita Cansanção; NOVAES JÚNIOR, Arthur Belém. Análise clínica comparativa entre duas técnicas cirúrgicas para o uso do enxerto de matriz dérmica acelular no tratamento de recessões gengivais. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Felipe, M. E. M. C., & Novaes Júnior, A. B. (2006). Análise clínica comparativa entre duas técnicas cirúrgicas para o uso do enxerto de matriz dérmica acelular no tratamento de recessões gengivais. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Felipe MEMC, Novaes Júnior AB. Análise clínica comparativa entre duas técnicas cirúrgicas para o uso do enxerto de matriz dérmica acelular no tratamento de recessões gengivais. 2006 ;
    • Vancouver

      Felipe MEMC, Novaes Júnior AB. Análise clínica comparativa entre duas técnicas cirúrgicas para o uso do enxerto de matriz dérmica acelular no tratamento de recessões gengivais. 2006 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021