Exportar registro bibliográfico

Qualidade da superfície dos modelos de gesso nos trabalhos em prótese buco facial (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: ANDRADE, DULCE HELENA PENA DE - FORP
  • Unidade: FORP
  • Sigla do Departamento: 805
  • Subjects: PRÓTESE BUCOMAXILOFACIAL; REABILITAÇÃO BUCAL
  • Language: Português
  • Abstract: É grande a preocupação com a qualidade superficial dos modelos de gesso para confecção de trabalhos em prótese buco maxilo facial, uma vez que a presença de asperezas, rugosidades ou defeitos superficiais refletirão diretamente na qualidade final das superfícies internas das próteses construídas sobre os referidos modelos. Algumas negligências nas etapas da confecção dos modelos de trabalho sobre os quais estes aparelhos protéticos serão construídos têm sido observadas, conforme pesquisa realizada, principalmente quando o modelo de trabalho é "lavado" ou umectado incorretamente. Considerando a importância do assunto e a. pequena abordagem de tal assunto nas pesquisas, o objetivo do nosso trabalho foi avaliar a influência dos procedimentos de umectação dos modelos; em água de consumo e em solução aquosa saturada de Sulfato de Cálcio; na qualidade superficial dos modelos construídos com gessos tipo III (Herodent®; Gesso - Rio®) e tipo IV (Vel-Mix®; Durone®). Foi confeccionada uma matriz em acrílico industrial medindo 93mm X 52mm X 10mm, com a qual foram obtidos os corpos de prova em gesso para cada marca comercial. Os corpos de prova foram seccionados de maneira tal que se obteve novos espécimes medindo 25mm X 22mm X 10mm. As superfícies dos corpos de prova tratados e "não tratados", foram analisados macroscopicamente e em seguida por meio de um rugosímetro (Surf-coder - Surface roughness measuring instrument, SE 1700, Kazaka lab). Os resultados foramsubmetidos a analise estatística. É possível observar que os dois tipos de gesso estudados têm capacidade para copiar e manter a superfície com a qual entram em contato. Contudo, quando os modelos de gesso são submetidos a procedimentos de hidratação incorretos, a superfície dos mesmos é consideravelmente deteriorada. Quando tais procedimentos são realizados apropriadamente é possível não só preservar como melhorar a qualidade da superfície dos corpos de prova
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 24.04.2006

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ANDRADE, Dulce Helena Pena de; SEMPRINI, Marisa. Qualidade da superfície dos modelos de gesso nos trabalhos em prótese buco facial. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Andrade, D. H. P. de, & Semprini, M. (2006). Qualidade da superfície dos modelos de gesso nos trabalhos em prótese buco facial. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Andrade DHP de, Semprini M. Qualidade da superfície dos modelos de gesso nos trabalhos em prótese buco facial. 2006 ;
    • Vancouver

      Andrade DHP de, Semprini M. Qualidade da superfície dos modelos de gesso nos trabalhos em prótese buco facial. 2006 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020