Exportar registro bibliográfico

Preparando para o nascimento e parto: o jogo educativo como uma estratégia para abordagem dos sinais do parto (2003)

  • Authors:
  • Autor USP: BONADIO, ISABEL CRISTINA - EE
  • Unidade: EE
  • Subjects: JOGOS EDUCATIVOS; PARTO; ENFERMAGEM OBSTÉTRICA
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução: Dentre as preocupações das gestantes destaca-se, no terceiro trimestre,a identificação do trabalho de parto é um acontecimento distante, pois outros envolvimentos emocionais tomam conta da gestante, porém, em dado instante, a mulher tomará consciåencia de que a gravidez não é eterna e que a qualquer momento ele dará à luz, o que lhe poderá gerar medo e insegurança. Indagando informalmente, durante as consultas de pré-natal, quais eram as dúvidas que as mulheres apresentavam chamou a atenção as dificuldades relacionadas com os sinais e sintomas do trabalho de parto. O fato motivou a elaboração, aplicação e avaliação de um jogo educativo com a finalidade de ajudar a mulher na identificação e tomada de decisão quanto sua ida à maternidade com tranquilidade, segurança e em momento oportuno. O jogo Preparando para o nascimento e parto contém 24 cartas com nesagens afirmativas sobre os sinais do parto, seguindo a proposição de Stefanelli (119). Objetivos: Elaborar e aplicar um jogo educativo para grupo de gestantes com a finalidade de prepará-las para reconhecer os sinais e sintomas do trabalho de parto, e com os objetivos específicos de: identificar os sinais do parto que motivaram a procura da maternidade: verificar as dúvidas quanto a esses sinais; identificar os sentimentos relativos à tomada de decisão de dirigir-se à maternidade e verificar a pertinåencia das mensagens do jogo educativo. Método: O estudo foi realizado em uma instiuição filantrópicado Município de São Paulo, com 50 puérperas que participaram do jogo educativo durante o pré-natal. Os dados foram coletados no período de setembro de 2001 a fevereiro de 2002, por emkio de consulta ao prontuário e entrevista seguindo roteiro específico com questões abertas. A última questão da entrevista consistiu em apresentar novamente, às puérperas, as cartas do jogo educativo solicitando sugestões. As sugestões sobre as mensagens contidas nas ...(continua) (Continuaão) nas cartas do jogo foram analisadas quanto a pertinåencia para a inclusão, exclusão ou apenas modificação na linguagem, tomando-se como base a literatura e a experiåencia profissional. Resultados: A população do estudo caracterizou-se, predominantemente, por puérperas primíparas na faixa etária de 18 a 22 anos e com ensino médio. apenas duas (4,0%) puérperas não identificaram os sinais do parto no momento oportuno e foram dispensadas da primeira vez em que procuraram a maternidade. A contração uterina foi o sinal do parto identificado com mais freqüência (71,0%), de modo isolado ou associado a outros sinais. A amioria das puérperas (78,0%) nãop apresentou dúvidas quanto aos sinais do parto identificados, sendo que 61,5% delas mencionara, a participação no jogo educativo como motivo. Os sentimentos de medo e ansiedade foram os mais freqüentes (59,3%), porém não estavam relacionados às condições de identificação do trabalho de parto. Quanto à pertinência das mensagens, em geral, houve90,0% ou mais de concordância. As puérperas deram mais sugestões para as mensagens relativas à contração uterina (32,0%). A análise das sugestões resultou em acréscimo de cinco mensagens e modificações em quatro. O jogo educativo propiciou às gestantes segurança no enfrentamento dos sinais do parto, levando-as a maternidade em momento oportuno. Particularmente para os alunos de enfermagem permitiu associar a teoria já conhecida com a prática que estavam desenvolvendo e revisar conceitos da assistência obstétrica de forma lúdica, criativa e comprometida, contribuindo, assim, com o processo ensino e aprendizagem de enfermagem. Como enfermeira obstétrica e docente, acreditando na importância de desenvolver uma assistência mais próxima à mulher, sentimos a responsabilidade de proporcionar aos graduandos de enfermagem esta experiåencia, com a finalidade de estimular em cada um, uma nova maneira para desenvolver... ) atividade educativa. Maneira esta baseada no conhecimento de si mesmo e pelas relações com os outros seres humanos, compartilhando conhecimentos e ações, sendo essencial a afetividade, o envolvimento, a comunicaçãao, a alegria e a empatia para que se estabeleça o processo educativo. Desta forma, o cuidado profissional possibilita a formação do vínculo de confiança entre o cuidador e quem é cuidado, proporcionando-lhe segurança na tomada de decisão de seu estado de saúde, contribuindo com a qualidade de dignidade da assistência
  • Imprenta:
  • ISBN: 8587582089
  • Source:
  • Conference titles: Seminário Nacional de Pesquisa em Enfermagem

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      REIS, Soraya El Hakim; BONADIO, Isabel Cristina. Preparando para o nascimento e parto: o jogo educativo como uma estratégia para abordagem dos sinais do parto. Anais.. Porto Seguro: ABEn-BA, 2003.
    • APA

      Reis, S. E. H., & Bonadio, I. C. (2003). Preparando para o nascimento e parto: o jogo educativo como uma estratégia para abordagem dos sinais do parto. In Resumos. Porto Seguro: ABEn-BA.
    • NLM

      Reis SEH, Bonadio IC. Preparando para o nascimento e parto: o jogo educativo como uma estratégia para abordagem dos sinais do parto. Resumos. 2003 ;
    • Vancouver

      Reis SEH, Bonadio IC. Preparando para o nascimento e parto: o jogo educativo como uma estratégia para abordagem dos sinais do parto. Resumos. 2003 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021