Exportar registro bibliográfico

Análise da expressão de genes relacionados à adesão celular em leucemias agudas (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: PASSOS, MARCUS VINICIUS SANTOS DOS - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RCM
  • Subjects: LEUCEMIA; EXPRESSÃO GÊNICA
  • Language: Português
  • Abstract: Moléculas de adesão são essenciais em vários processos biológicos como proliferação, expressão gênica, diferenciação e apoptose. Na hematopoese, estas interações são fundamentais para sustentação da auto-renovação de progenitores primitivos suportando a proliferação e diferenciação em suas linhagens específicas. As leucemias agudas caracterizam-se pela migração de células imaturas para a circulação periférica acarretando alterações funcionais. Vários estudos demonstram que interações anormais entre células leucêmicas e o microambiente hematopoético são fatores determinantes na disseminação, bem como nas diversas manifestações clínico-patológicas da doença. Embora haja evidências de que os mecanismos de adesão celular tenham influência no processo de malignização, pouco é conhecido sobre as bases moleculares que as governam. O presente estudo teve como objetivo avaliar o perfil da expressão dos genes de adesão celular (CD44, CDH1, CD62L) e de matriz extracelular (FN1) em leucemias agudas (LMA/LLA) classificadas segundo o critério franco-americano-britânico (FAB). A análise foi realizada em RNA total extraído de 19 amostras provenientes de pacientes com diagnósticos de leucemia e síndrome mielodisplásica (SMD), sendo 11 amostras de LMA, 1 de SMD e 7 amostras de LLA, bem como em amostra de medula óssea normal, utilizada como controle. A metodologia proposta para o estudo da expressão gênica foi a PCR semiquantitativa, onde após síntese e diluições seriadas docDNA, (1:2 a 1:64) foi possível identificar variações de expressão dos genes propostos nas amostras leucêmicas e de tecidos normais. Como controle gênico utilizamos o gene da ('beta'-actina que mostrou amplificação em todas diluições das amostras. A expressão gênica das moléculas de adesão foi bastante heterogênea, não sendo possível distinguir variações significativas entre LMA/LLA. Por outro lado, quando comparamos LMA/LLA e medula óssea normal, verificamos uma expressão aumentada de alguns destes genes nas amostras leucêmicas. Em especial, CD44 obteve uma expressão de até seis vezes maior em LMA/LLA em relação à medula normal. Hiperexpressão de CD44 têm sido correlacionada com um mau prognóstico da doença corroborando os dados da literatura científica. Podemos concluir que a heterogeneidade da expressão destas moléculas reflete a complexidade da doença demonstrando, sobretudo, que a desregulação dos contatos é determinante na disseminação de blastos leucêmicos. Este tipo de estudo permite e contribui enormemente no entendimento molecular das leucemias agudas. Além disso, a avaliação do comportamento de genes de adesão celular pode apresentar valor clínico relevante no diagnóstico e prognóstico das leucemias agudas
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 19.04.2006

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PASSOS, Marcus Vinícius Santos dos; SILVA JÚNIOR, Wilson Araújo da. Análise da expressão de genes relacionados à adesão celular em leucemias agudas. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006.
    • APA

      Passos, M. V. S. dos, & Silva Júnior, W. A. da. (2006). Análise da expressão de genes relacionados à adesão celular em leucemias agudas. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Passos MVS dos, Silva Júnior WA da. Análise da expressão de genes relacionados à adesão celular em leucemias agudas. 2006 ;
    • Vancouver

      Passos MVS dos, Silva Júnior WA da. Análise da expressão de genes relacionados à adesão celular em leucemias agudas. 2006 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021