Exportar registro bibliográfico

Família do paciente de trauma cranioencefálico: adaptação transcultural do "Family Needs Questionnaire" e programa de suporte de informação (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: SERNA, EDILENE CURVELO HORA - EE
  • Unidade: EE
  • Sigla do Departamento: ENC
  • Subjects: ENFERMAGEM EM TRAUMA; TRAUMATISMOS CRANIOCEREBRAIS; TRAUMATISMOS CEREBRAIS; FAMÍLIA; INTERVENÇÃO DA ENFERMAGEM
  • Language: Português
  • Abstract: Trata-se de um estudo quantitativo de desenvolvimento metodológico e experimental sobre a adaptação transcultural de um instrumento de medida das necessidades da família, o "Family Needs Questionnaire" (FNQ) e a eficácia de uma intervenção, o Programa de Suporte de Informação às famílias de pacientes com trauma cranioencefálico (TCE), realizado a partir de seis meses após o evento traumático. A casuística do estudo constituiu-se de 161 familiares e 71 pacientes de TCE, sendo 60 famílias distribuídas de maneira randomizada, 40 no grupo experimental e 20 no controle. Foi desenvolvido nos domicílios das vítimas de TCE atendidas em um Hospital Público e Centro de Especialidades em Aracaju-Sergipe (Brasil), no período de setembro (2004) a julho (2005). Os resultados evidenciaram que os familiares tinham idade média de 35,7 anos, a maioria era cuidador principal (75,2%), sexo feminino (82,6%), casada ou amasiada (47,9%), irmã (33,5%) e mãe (23,0%) do paciente, católica (73,3%), ensino fundamental incompleto (42,2%) e renda mensal de 1 a 2 salários mínimos (62,1%). Os pacientes tinham idade média de 32,4 anos e tempo de trauma médio de 2,2 anos. A maioria era do sexo masculino (81,7%), solteiro (54,9%), católico (67,6%), ensino fundamental incompleto (54,9%), vítimas de acidentes de transporte (54,9%) com boa recuperação pós-trauma (53,5%). A tradução e a adaptação do FNQ para a língua portuguesa e à cultura brasileira resultaram em uma versão denominada Questionáriode Necessidades da Família que mede a importância das necessidades e seu grau de atendimento. A análise fatorial resultou em 32 itens distribuídos em oito subescalas, o valor do alfa de Cronbach nas subescalas variou entre 0,60 a 0,86. Na visão dos familiares, a quase totalidade das necessidades foi considerada "importante" ou "muito importante" (índice médio proporcional de necessidade, 93,1%), a necessidade considerada mais importante foi "eu preciso ) ter recursos para mim ou para minha família, ex. aconselhamento financeiro ou legal, folga do cuidado, aconselhamento, serviço de enfermagem". Por meio da comparação dos resultados das duas aplicações (antes-depois), houve um aumento significante das necessidades atendidas (conjunto de itens) no grupo experimental em relação ao controle. Nos itens 11 a 14, observou-se aumento significante das necessidades atendidas e parcialmente atendidas no grupo experimental em relação ao controle. O Questionário de Necessidades da Família mostrou ser um instrumento confiável e válido para medir em nosso meio as necessidades das famílias com pessoas com TCE e de utilidade clínica para avaliar a efetividade da intervenção. A avaliação complementar realizada com os familiares confirmou a eficácia da intervenção e identificou a categoria "aprender sobre o TCE e suas conseqüências", como o efeito mais importante dessa intervenção. O Programa de Suporte de Informação desenvolvido mostrou ser uma proposta viável para trabalhar com essasfamílias
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.01.2006

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SERNA, Edilene Curvelo Hora; SOUSA, Regina Márcia Cardoso de. Família do paciente de trauma cranioencefálico: adaptação transcultural do "Family Needs Questionnaire" e programa de suporte de informação. 2006.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006.
    • APA

      Serna, E. C. H., & Sousa, R. M. C. de. (2006). Família do paciente de trauma cranioencefálico: adaptação transcultural do "Family Needs Questionnaire" e programa de suporte de informação. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Serna ECH, Sousa RMC de. Família do paciente de trauma cranioencefálico: adaptação transcultural do "Family Needs Questionnaire" e programa de suporte de informação. 2006 ;
    • Vancouver

      Serna ECH, Sousa RMC de. Família do paciente de trauma cranioencefálico: adaptação transcultural do "Family Needs Questionnaire" e programa de suporte de informação. 2006 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021