Exportar registro bibliográfico

Anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal infra-renal: experiência com 104 casos consecutivos no HCFMRP-USP (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: LIMA, BRENO JOSÉ SANTIAGO BEZERRA DE - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Subjects: ANEURISMA AÓRTICO; ANESTESIA LOCAL; ANESTESIA GERAL; CHOQUE
  • Language: Português
  • Abstract: Introdução. A morbi-mortalidade durante e após anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal é alta, pois esta doença acomete pacientes após a sétima década de vida e que possuem várias doenças concomitantes. Objetivos. Analisar e discutir as condutas anestésicas utilizadas nos períodos pré e intra-operatório no Serviço de Anestesiologia do HCFMRP-USP. Casuística e Método. Foram analisados os prontuários de 104 pacientes submetidos à aneurismectomia de aorta no tocante às condutas utilizadas pelos anestesiologistas para a condução destes casos. Resultados. Apenas um paciente possuía menos de 40 anos de idade, 76,80% estavam na sétima ou oitava década de vida e 88,46% eram do sexo masculino. A hipertensão arterial acometeu 70,19% dos pacientes e 26,92% possuíam coronariopatia. Pacientes com obesidade foram a minoria (26,92%). O ecocardiograma pré-operatório demonstrou que a grande maioria dos pacientes apresentava função ventricular normal. A cirurgia foi realizada em regime de urgência em 7,69% dos casos. A anestesia geral exclusiva foi realizada em 17 pacientes e associada com a peridural em 57 pacientes, com a raquianestesia em 11 e com a raqui-peri combinadas em 19. O tempo cirúrgico variou de 120 a 510 minutos enquanto que o tempo de clampeamento aórtico variou de 30 a 165 minutos. Houve um óbito no período intra-operatório e a causa foi choque hipovolêmico e 10 óbitos até o vigésimo dia pós-operatório. Sessenta e seis pacientes receberamconcentrado de papa de hemácias durante o período intra-operatório, mas só em 43,27% desses casos a indicação esteve suportada por exame laboratorial. Oitenta pacientes foram extubados ainda na sala de cirurgia, enquanto que os demais (23) permaneceram intubados no período pós operatório e 19 necessitaram de suporte venti1atório que teve tempo que variou de 3 a 96 horas com média de 42,31 horas. Apenas quatro pacientes fizeram pós-operatório imediato no Centro de ) Terapia Intensiva enquanto que os demais permaneceram na Sala de Recuperação Pós-Anestésica. Conclusão. Não existe um protocolo único para a realização de anestesia para aneurismectomia de aorta no HCFMRP-USP e a técnica anestésica utilizada não influenciou o morbi-mortalidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 07.02.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LIMA, Breno Jose Santiago Bezerra de; GARCIA, Luis Vicente. Anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal infra-renal: experiência com 104 casos consecutivos no HCFMRP-USP. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-09062011-155916/pt-br.php >.
    • APA

      Lima, B. J. S. B. de, & Garcia, L. V. (2006). Anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal infra-renal: experiência com 104 casos consecutivos no HCFMRP-USP. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-09062011-155916/pt-br.php
    • NLM

      Lima BJSB de, Garcia LV. Anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal infra-renal: experiência com 104 casos consecutivos no HCFMRP-USP [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-09062011-155916/pt-br.php
    • Vancouver

      Lima BJSB de, Garcia LV. Anestesia para aneurismectomia de aorta abdominal infra-renal: experiência com 104 casos consecutivos no HCFMRP-USP [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/17/17142/tde-09062011-155916/pt-br.php


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021