Exportar registro bibliográfico

A microbacia do rio Jacupiranguinha como unidade de estudo para a sustentabilidade dos recursos hídricos no Baixo Ribeira de Iguape - SP (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: MOCCELLIN, JULIANA - EESC
  • Unidade: EESC
  • Sigla do Departamento: SHS
  • Subjects: BACIA HIDROGRÁFICA; RECURSOS HÍDRICOS; ECOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: Os recursos hídricos são considerados bem comum e, por isso, devem ser geridos de forma integrada; garantindo, assim, aproveitamento otimizado com mínimo de conflitos. O objetivo deste trabalho foi estudar o comportamento de variáveis limnológicas na microbacia do rio Jacupiranguinha (município de Cajati - SP, Baixo Ribeira de Iguape), em quatro períodos hidrológicos distintos, com base nas teorias ecológicas de ecossistemas fluviais. As coletas foram realizadas em janeiro (verão), abril (outono), julho (inverno) e setembro (primavera) em onze pontos, no eixo longitudinal do rio Jacupiranguinha, com alguns abrangendo locais após lançamentos de efluentes de indústrias e esgoto doméstico, um ponto no rio Guaraú e um ponto no rio Jacupiranga. Levando-se em conta a sazonalidade a maior precipitação ocorreu em janeiro (305 mm), como era esperado, seguida pelas de setembro (266 mm), julho (119 mm) e abril (115 mm). Vazão e velocidade de escoamento tiveram relação direta com a precipitação e a vazão aumentou de montante à jusante, devido à contribuição de efluentes. A devastação da mata ciliar ocasionou incidência uniforme de radiação solar em todo o eixo longitudinal do rio Jacupiranguinha, além de facilitar a entrada de sólidos suspensos para o rio, principalmente no período chuvoso. Este rio recebe efluentes domésticos e de uma indústria de fertilizantes, que gera uma descontinuidade de fluxo de seus nutrientes da cabeceira à foz. Altos valores de condutividade, edos compostos de fósforo a partir da entrada do efluente da indústria de fertilizantes indicam que ele muda as características do rio nos pontos à jusante deste e, por isso, é possível dividir o eixo longitudinal do rio Jacupiranguinha em duas regiões. A análise do sedimento revelou maiores concentrações de nitrogênio total no mês de setembro, provavelmente devido à entrada de carga alóctone ocasionada pelas chuvas e maiores concentrações de fósforo total foram obtidas no período seco. A comunidade bentônica apresentou variação temporal, provavelmente, devido a fatores hidráulicos, como vazão e velocidade de escoamento. O aumento da riqueza e diversidade no período de chuvas, provavelmente ocorreram em função do revolvimento do substrato que, neste período era composto por partículas mais finas. A baixa riqueza e diversidade de espécies encontradas no rio Jacupiranguinha nos demais períodos indica comprometimento da qualidade da água neste sistema
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 03.04.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MOCCELLIN, Juliana; CALIJURI, Maria do Carmo. A microbacia do rio Jacupiranguinha como unidade de estudo para a sustentabilidade dos recursos hídricos no Baixo Ribeira de Iguape - SP. 2006.Universidade de São Paulo, São Carlos, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-27042006-105343/ >.
    • APA

      Moccellin, J., & Calijuri, M. do C. (2006). A microbacia do rio Jacupiranguinha como unidade de estudo para a sustentabilidade dos recursos hídricos no Baixo Ribeira de Iguape - SP. Universidade de São Paulo, São Carlos. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-27042006-105343/
    • NLM

      Moccellin J, Calijuri M do C. A microbacia do rio Jacupiranguinha como unidade de estudo para a sustentabilidade dos recursos hídricos no Baixo Ribeira de Iguape - SP [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-27042006-105343/
    • Vancouver

      Moccellin J, Calijuri M do C. A microbacia do rio Jacupiranguinha como unidade de estudo para a sustentabilidade dos recursos hídricos no Baixo Ribeira de Iguape - SP [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/18/18138/tde-27042006-105343/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020