Exportar registro bibliográfico

Desenvolvimento de microcápsulas contendo a fração volátil de copaíba por spray-drying: estudo de estabilidade e avaliação farmacológica (2006)

  • Authors:
  • Autor USP: RAMOS, MONICA FREIMAN DE SOUZA - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Subjects: ANTI-INFLAMATÓRIOS; MEDICAMENTO (ANÁLISE;CONTROLE); FARMACOTÉCNICA
  • Language: Português
  • Abstract: A oleorresina de copaíba é amplamente utilizada em diferentes regiões do país especialmente na região amazônica. Sua atividade cicatrizante e antiinflamatória sã as mais difundidas na medicina popular. Entretanto, são raras na literatura científica as descrições destas atividades, bem como a indicação da composição responsável pela atividade. Os objetivos deste estudo foram a otimização da obtenção da fração volátil da oleoressina de copaíba, por extração com arraste à vapor, sua microencapsulação em goma arábica por atomização e secagem em spray-dryer, avaliação química, morfológica e farmacológica (atividade antiinflamatória in vivo). A fração volátil representou 14,5% da oleorresina, sendo o 'beta'-cariofileno (70%) e o 'alfa' humuleno (8,7%) seus constituintes majoritários. A eficiência do processo d microencapsulação da fração volátil em goma arábica foi em média de 95%. O estudos de estabilidade .da fração volátil livre e microcapsulada, nas temperaturas d 25ºC e 40ºC em ambiente de' umidade relativa de 50%, mostraram que o cariofileno sofreu oxidação, gerando principalmente óxido de cariofileno, e em menor extensão outros compostos oxigenados. A microencapsulação da fração volátil minimizou, porém não impediu a oxidação e a perda de massa. Os ensaios d atividade famacológica in vivo mostraram que a fração volátil inibiu expressivamente o processo inflamatório agudo, induzido por carragenina ou zimosan, com ED50 d 32mg/Kg. A fração microencapsuladainibiu a resposta inflamatória na mesma magnitude que a fração volátil livre, mostrando que o processo d microencapsulação não alterou a atividade, possibilitando seu uso como forma farmacêutica ou intermediária na preparação de outras. O 'beta'-cariofileno inibiu a resposta inflamatória na dose de 32 mg/Kg, na mesma magnitude que a fração volátil, o que nos permite atribuir a este, a atividade antiinflamatória observada
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 23.03.2006
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      RAMOS, Mônica Freiman de Souza; FREITAS, Osvaldo de. Desenvolvimento de microcápsulas contendo a fração volátil de copaíba por spray-drying: estudo de estabilidade e avaliação farmacológica. 2006.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2006. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60131/tde-16012007-151928/ >.
    • APA

      Ramos, M. F. de S., & Freitas, O. de. (2006). Desenvolvimento de microcápsulas contendo a fração volátil de copaíba por spray-drying: estudo de estabilidade e avaliação farmacológica. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60131/tde-16012007-151928/
    • NLM

      Ramos MF de S, Freitas O de. Desenvolvimento de microcápsulas contendo a fração volátil de copaíba por spray-drying: estudo de estabilidade e avaliação farmacológica [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60131/tde-16012007-151928/
    • Vancouver

      Ramos MF de S, Freitas O de. Desenvolvimento de microcápsulas contendo a fração volátil de copaíba por spray-drying: estudo de estabilidade e avaliação farmacológica [Internet]. 2006 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/60/60131/tde-16012007-151928/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021