Exportar registro bibliográfico

Distribuições de tamanho, composição química e identificação das fontes do aerossol atmosférico de São Paulo: um estudo de caso para o inverno de 2003 (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: ALBUQUERQUE, TACIANA TOLEDO DE ALMEIDA - IAG
  • Unidade: IAG
  • Sigla do Departamento: ACA
  • Subjects: QUÍMICA ATMOSFÉRICA; SÃO PAULO
  • Language: Português
  • Abstract: No inverno de 2003 (de 7 de julho a 5 de setembro) foi realizada uma campanha para amostragem do aerossol na atmosfera da RMSP. Foram utilizados os seguintes equipamentos: impactador de cascata do tipo MOUDI (MD), que permite a determinação da concentração do aerossol depositado em faixas de tamanho para material particulado inalável, e o Mini Vol (MV), que coleta o aerossol fino e grosso. O material coletado pelo dois equipamentos foi analisado através da análise gravimétrica, refletância (Black Carbon-BC) e a técnica PIXE (Particle induced X - Ray Emission). Como os processos associados aos aerossois estão principalmente relacionados com seu tamanho, uma propriedade importante a ser discutida é a função de Distribuição de Tamanho por Número (DTN) e massa (DTM). Através dos dados coletados pelo MD, foi possível caracterizar a DTM das partículas em frações de tamanho. Foi utilizado o SMPS (Scanning Mobility Particle Sizer) para a obtenção da DTN, o qual fornece a concentração em número de partículas em diferentes faixas de tamanho. O equipamento utilizado está configurado para amostrar o intrvalo de 0,009 a 0,414µm. As condições meteorológicas possuem uma grande influência na concentração total do aerossol em suspensão na atmosfera de São Paulo. As amostras coletadas apresentaram uma diferença significativa na massa do particulado entre os períodos analisados nos meses de agosto e setembro, os quais apresentaram diferentes padrões de condições meteorológicas. Atravésda técnica PIXE foram identificados os seguintes elementos-traço: Al,Si,P,S,Cl,K,Ca,Ti,V,Mn,Fe,Ni,Cu,Zn,Se,Br,Sr,Zr,Pb. A concentração majoritária dos elementos químicos inorgânicos presentes nas amostras é a de compostos derivados de poeira do solo, como por exemplo: Al,Si,Ti,Ca,Fe,Mn. Foi também estimada a concentração dos óxidos dos elementos encontrados, com o objetivo de calcular o balanço de massa. Os resultados obtidos mostraram que a ) massa das partículas finas é composta principalmente de BC, seguida dos compostos solúveis e insolúveis, durante os períodos diurno e noturno. A moda grossa é caracterizada principalmente pela presença dos compostos insolúveis, seguida dos solúveis e BC, também para os dois períodos. A análise de Fatores com rotação Varimax foi aplicada à base de dados correspondente à composição elementar com o objetivo de identificar as fontes que produzem a variância desses dados. Através da análise de Fatores e da DTN a emissão veicular foi identificada como principal fonte das partículas ultrafinas na região. A ressuspensão de poeira do solo é considerada como maior fração da massa do aerossol na moda grossa. Esta dissertação vem confirmar outros trabalhos com relação à identificação de fontes em São Paulo - o tráfego de veículos e poeira do solo são as principais fontes de poluição do ar em São Paulo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.05.2005

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ALBUQUERQUE, Taciana Toledo de Almeida; ANDRADE, Maria de Fátima. Distribuições de tamanho, composição química e identificação das fontes do aerossol atmosférico de São Paulo: um estudo de caso para o inverno de 2003. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.
    • APA

      Albuquerque, T. T. de A., & Andrade, M. de F. (2005). Distribuições de tamanho, composição química e identificação das fontes do aerossol atmosférico de São Paulo: um estudo de caso para o inverno de 2003. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Albuquerque TT de A, Andrade M de F. Distribuições de tamanho, composição química e identificação das fontes do aerossol atmosférico de São Paulo: um estudo de caso para o inverno de 2003. 2005 ;
    • Vancouver

      Albuquerque TT de A, Andrade M de F. Distribuições de tamanho, composição química e identificação das fontes do aerossol atmosférico de São Paulo: um estudo de caso para o inverno de 2003. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021