Exportar registro bibliográfico

Avaliação do efeito antinociceptivo do fentanil, cetamina e clonidina por via transdémica no controle da dor crônica neuropática (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: MATSUMOTO, MARCIO - FMRP
  • Unidade: FMRP
  • Sigla do Departamento: RAL
  • Subjects: ANESTESIA; ANALGESIA
  • Language: Português
  • Abstract: ntrodução- As dores de origem lombar e cervical, classificadas como crônicas com componente neuropático, permanecem como uma das causas prevalentes e onerosas a qual atingem adultos jovens em idade produtiva, usualmente de forma recorrente. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia analgésica da administração por via transdérmica do fentanil, cetamina e clonidina, ou suas combinações, em pacientes portadores de dor crônica. Metodologia- 54 pacientes com história de dor crônica de origem cervical ou lombar com componente neuropático, em uso de antiinflamatórios não-esteroidais, porém não satisfeitos com o resultado e não responsivos aos tratamentos convencionais, foram de forma aleatória e duplamente-encoberta, alocados a um dos grupos do estudo prospectivo. Os grupos foram seis, com 9 pacientes em cada, denominados Grupos: Clonidina (CIo) (25 'mü'g/g), Cetamina (Cet) (25 mg/24 horas), Fentanil (Fen) (25 'mü'g/hora), Clonidina+Cetamina (Clo+Cet), Fentanil+Cetamina (Fen+Cet) e Fentanil+Clonidina (Fen+Clo). Valores da EAN de dor e coletas sangüíneas para medidas da noradrenalina plasmática foram realizadas às: 0 hora, 3 horas e 6 horas após a aplicação transdérmica dos medicamentos. Resultados- Todos os grupos avaliados apresentaram analgesia durante a sexta hora do estudo, mensurada clinicamente através da Escala Numérica de Dor (10 cm) (p<0,05). Entretanto, apenas nos grupos que incluíram fentanil por via transdérmica foi correlacionado valores emdeclínio de noradrenalina plasmática a partir da sexta hora, quando era utilizado apenas o fentanil, e a partir da terceira hora quando foi associado clonidina ou cetamina ao fentanil (p<0,05 e p<0,02, respectivamente). O grupo que utilizou a combinação de clonidina e cetamina por via transdérmica não resultou em analgesia superior à administração isolada dos mesmos fármacos, sendo que as concentrações plasmáticas de noradrenalina mantiveram-se semelhantes durante o período de estudo neste grupo, e este mesmo grupo apresentou maior incidência de sedação (p<0,05). Conclusões- Foi demonstrada clinicamente e através da mensuração plasmática da noradrenalina, que em pacientes portadores de dor crônica não-neoplásica de origem lombar ou cervical, a combinação de fentanil com clonidina ou com cetamina transdérmica representam alternativas promissoras para o controle da dor crônica não responsiva aos tratamentos convencionais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.08.2005

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      MATSUMOTO, Márcio; LAURETTI, Gabriela Rocha. Avaliação do efeito antinociceptivo do fentanil, cetamina e clonidina por via transdémica no controle da dor crônica neuropática. 2005.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2005.
    • APA

      Matsumoto, M., & Lauretti, G. R. (2005). Avaliação do efeito antinociceptivo do fentanil, cetamina e clonidina por via transdémica no controle da dor crônica neuropática. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Matsumoto M, Lauretti GR. Avaliação do efeito antinociceptivo do fentanil, cetamina e clonidina por via transdémica no controle da dor crônica neuropática. 2005 ;
    • Vancouver

      Matsumoto M, Lauretti GR. Avaliação do efeito antinociceptivo do fentanil, cetamina e clonidina por via transdémica no controle da dor crônica neuropática. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021