Exportar registro bibliográfico

Modelo estruturado para gestão de riscos em projetos: estudo de múltiplos casos (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: ROVAI, RICARDO LEONALDO - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PRO
  • Subjects: GESTÃO DE PROJETOS; ADMINISTRAÇÃO DE RISCO
  • Language: Português
  • Abstract: O aprofundamento do processo de globalização gera dentro inúmeros outros fenômenos o recrudescimento da competitividade entre as empresas e setores econômicos e o crescimento do grau de volatilidade. Para expandir suas carteiras de investimentos e também para atender às necessidades de crescimento dos mercados e ainda para satisfazer da demanda global, as empresas estabelecidas nos países centrais geram empreendimentos em seus países de origem, bem como nos denominados países emergentes. Os governos locais e as empresas nacionais dos países emergentes também geram empreendimentos. Este processo de expansão produz a necessidade do uso de metodologias consistentes para o gerenciamento dos riscos operacionais e de projetos. Muitos projetos, senão a quase totalidade, são gerenciados sem que haja o adequado uso de metodologias e ou modelos de gerenciamento e isto tem causado inúmeras perdas financeiras e de recursos com intensidade e impacto variáveis, porém significativos. Inúmeras pesquisas têm apontado para a ausência de um modelo estruturado para gerenciamento riscos de projetos, por parte das empresas que possuem uma carteira relevante de projetos e que não dispõe de modelos e ou metodologias para gestão de riscos de seus projetos. A partir desta realidade a criação de um modelo estruturado para gestão de riscos de projetos atenderia uma demanda real produto de uma situação concreta. Este trabalho propôs a criação de um modelo estruturado para a gestão deriscos de projetos com base na identificação das principais lacunas existente na literatura de riscos de projetos e também a partir das principais deficiências das praticas percebidas. Realizaram-se quatro estudos de casos. Os três primeiros serviram para a identificação das principais lacunas e deficiências das práticas efetuadas pelas empresas e percebidas através dos estudos de caso. ) ) O ultimo estudo de caso validou o modelo proposto, demonstrando assim as implicações e oportunidades decorrentes de sua aplicação. Posteriormente, o modelo também foi submetido a um grupo de especialistas em riscos de projetos e os resultados puderam evidenciar suas principais diferenças em relação ao modelo sugerido pelo PMI e isto pode revelar as percepções destes profissionais em relação ao modelo e delinear a viabilidade da continuidade de pesquisas futuras a partir do uso deste modelo
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 20.12.2005
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      ROVAI, Ricardo Leonaldo; TOLEDO, Nilton Nunes. Modelo estruturado para gestão de riscos em projetos: estudo de múltiplos casos. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3136/tde-01092006-180244/ >.
    • APA

      Rovai, R. L., & Toledo, N. N. (2005). Modelo estruturado para gestão de riscos em projetos: estudo de múltiplos casos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3136/tde-01092006-180244/
    • NLM

      Rovai RL, Toledo NN. Modelo estruturado para gestão de riscos em projetos: estudo de múltiplos casos [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3136/tde-01092006-180244/
    • Vancouver

      Rovai RL, Toledo NN. Modelo estruturado para gestão de riscos em projetos: estudo de múltiplos casos [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/3/3136/tde-01092006-180244/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021