Exportar registro bibliográfico

Transmissão o nó que ata e desata: uma leitura psicanalítica do ato educativo (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated author: FOGACA, MARCIA REGINA - FE
  • School: FE
  • Subjects: PSICANÁLISE (EDUCAÇÃO); PSICOLOGIA EDUCACIONAL
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho se inscreve numa linha de pesquisas que visam estabelecer conexões entre psicanálise e educação. Tem como questão norteadora a transmissão no ato educativo a partir da postulação de Jacques Lacan de que o sujeito se constitui no campo do Outro - que vem a ser o que o ele tem de mais íntimo e mais radicalmente estranho a si mesmo - assim como, das concepções psicanalíticas de saber, objeto, sujeito, outro e Outro. Essa questão surgiu de algo que insiste e que se apresenta, em sua generalidade, como os impasses e paradoxos que configuram a subjetividade moderna, bem como, da necessidade de se pensar em suas particularidades e desenlaces possíveis. Das particularidades, a questão da educação se impõe como a necessidade de perseverar no que é preciso que continue, ou seja, tanto a transmissão de marcas simbólicas que possibilitem a inscrição, o atamento dos recém-chegados ao mundo a uma tradição que os antecede, quanto promover a sustentação para o desatamento necessário para que o sujeito possa dizer a cultura com suas "próprias" palavras. Trata-se de reiterar a importância de se pensar a educação a partir da subjetividade moderna, de suas condições de possibilidade e das formas de sua transmissão. Nesse) exercício de pensamento, são trabalhadas as categorias de tempo, espaço, lógica, razão, verdade e realidade, com o objetivo de estabelecer uma diferenciação entre o saber científico e o saber de que se trata em psicanálise. São tambémtrabalhadas as operações lógicas - alienação e separação - que estão em jogo na constituição do sujeito tal como a concebe Lacan e a noção de paradoxo. As idéias de cultura, tradição, autoridade, verdade, ciência e linguagem são utilizadas para introduzir a discussão a respeito da transmissão no ato educativo através da concepção lacaniana de discurso e das modalidades discursivas - do mestre, da histérica, do universitário e do analista. As articulações giram em torno da questão do mal-estar associado à civilização, no que tange às leituras de Freud e de Lacan - considerando o objeto da pesquisa, qual seja, a transmissão no ato educativo, entendido como transmissão da/na cultura - e desembocam na ética advinda da concepção de desejo apresentada e de suas implicações para a educação. Algumas articulações conceituais em torno da questão da linguagem e da metáfora paterna, assim como do estágio do espelho e do tempo lógico, estão colocadas em apêndice, como suplemento teórico do texto
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 05.12.2005

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      FOGAÇA, Marcia Regina; LAJONQUIÈRE, Leandro de. Transmissão o nó que ata e desata: uma leitura psicanalítica do ato educativo. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.
    • APA

      Fogaça, M. R., & Lajonquière, L. de. (2005). Transmissão o nó que ata e desata: uma leitura psicanalítica do ato educativo. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Fogaça MR, Lajonquière L de. Transmissão o nó que ata e desata: uma leitura psicanalítica do ato educativo. 2005 ;
    • Vancouver

      Fogaça MR, Lajonquière L de. Transmissão o nó que ata e desata: uma leitura psicanalítica do ato educativo. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020