Exportar registro bibliográfico

Considerações acerca da pureza e clareza em Cícero, De oratore III.37-51 (2005)

  • Authors:
  • USP affiliated author: DEUR, TOMISLAV - FFLCH
  • School: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: LITERATURA LATINA; RETÓRICA LATINA; ORATÓRIA
  • Language: Português
  • Abstract: O trabalho discorre sobre os conceitos retóricos de pureza e clareza na obra de Cícero, expondo os conceitos apresentados em Cícero, De Oratore III 37-51. Discute-se a inserção dos conceitos dentro da Retórica Antiga e da elocução, bem como sua proximidade da Gramática. A pureza é discutida em termos de sotaque, entendido como características sonoras da fala, demandando a distinção entre elocução e ação. Cícero define tipos de sotaque viciosos (o efeminado, o excessivo, o rústico e o estrangeiro), contrapostos a sotaque virtuoso representado pela fala da aristocracia romana. A descrição dos sotaques viciosos não é muito rigorosa (segundo padrões contemporâneos de análise sociolingüística), mas suficiente para permitir seu uso como instrumento político. Sob essa perspectiva, aqueles que apresentam sotaque vicioso não são aptos ao exercício da vida pública. A ausência da descrição do sotaque urbano virtuoso reforça a leitura política, pois impede que os rivais possam se adaptar a ela. As indicações de Cícero sobre clareza são escassas, permitindo somente que se entenda a clareza como referência a outros espaços de teorização, como a ornamentação retórica e a Gramática. As críticas a imperícia dos oradores fundadas no mau exercício da pureza e da clareza tendiam a ser altamente provocativas, pois como as duas partes eram consideradas por Cícero como pressupostos mínimos para a elaboração do discurso, considerar o outro como imperito nelas equivalia adesqualificação completa da competência oratória do outro, desqualificando por extensão a própria condição de patrono do orador rival. Conclui-se que pureza e clareza são conceitos retóricos poderosos politicamente, contribuindo para a desqualificação de rivais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 25.10.2005

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      DEUR, Tomislav; CHIAPPETTA, Angélica. Considerações acerca da pureza e clareza em Cícero, De oratore III.37-51. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.
    • APA

      Deur, T., & Chiappetta, A. (2005). Considerações acerca da pureza e clareza em Cícero, De oratore III.37-51. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Deur T, Chiappetta A. Considerações acerca da pureza e clareza em Cícero, De oratore III.37-51. 2005 ;
    • Vancouver

      Deur T, Chiappetta A. Considerações acerca da pureza e clareza em Cícero, De oratore III.37-51. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020