Exportar registro bibliográfico

Estudo cefalométrico das alterações dento-esqueléticas da má oclusão de Classe II, divisão 1 tratada com o aparelho de Herbst e com o aparelho extrabucal de tração occipital (2004)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: NAHAS, ANA CARLA RAPHAELLI - FOB
  • Unidades: FOB
  • Sigla do Departamento: BAO
  • Subjects: ORTODONTIA; APARELHO DE ANCORAGEM EXTRABUCAL
  • Language: Português
  • Abstract: Realizou-se um estudo cefalométrico, em telerradiografias, objetivando-se determinar os efeitos no complexo craniofacial de pacientes com más oclusões de Classe II, divisão 1 submetidos ao tratamento com o aparelho de Herbst com cantiléver e ao tratamento com o aparelho Extrabucal de tração occipital. Para tanto, utilizou-se uma amostra composta por quatro grupos, sendo dois experimentais e dois controles. Os grupos experimentais originaram-se da Faculdade de Odontologia de Bauru - USP, sendo 25 pacientes tratados com o aparelho ortopédico funcional, com a idade inicial média de 12,01 anos e 25 pacientes tratados com o aparelho ortopédico mecânico, com a idade inicial média de 10,28 anos. Os grupos controles, pareados cronologicamente aos grupos experimentais, foram compostos por pacientes não tratados ortodonticamente, oriundos do arquivo de documentações denominado Burlington Growth Centre, localizado na Faculdade de Odontologia da Universidade de Toronto. Para cada componente dos quatro grupos, obtiveram-se as telerradiografias ao início ('T IND. 1') e ao final ('T IND. 2') do período de tratamento ou de observação, sendo traçadas manualmente e digitalizadas para um programa de cefalometria. A comparação estatística entre os grupos experimentais e seus respectivos grupos controles evidenciou que ambas as terapias corrigiram, a curto prazo, a má oclusão inicial, porém com mecanismos específicos de correção. Resumidamente, o aparelho de Herbstrepercutiu em maiores alterações dento-alveolares, em decorrência da perda substancial de ancoragem dentária, mesializando os molares inferiores e vestibularizando os incisivos inferiores, enquanto que o aparelho Extrabucal apresentou um efeito ortopédico mais proeminente sobre o complexo craniofacial, alterando a tendência de deslocamento em sentido anterior da maxila. Ambas as terapias restringiram o desenvolvimento normal no sentido vertical dos dentes ) póstero-superiores, contribuindo decisivamente para a correção da relação molar de Classe II e manutenção do padrão de crescimento craniofacial dos pacientes. Este achado acorda com a literatura quanto à similaridade de ação desses dois mecanismos terapêuticos, porém discorda quanto ao efeito inibitório dos molares superiores no sentido sagital, ou mesmo de distalização, pelo aparelho de Herbst relatado em trabalhos anteriores
  • Imprenta:
    • Place of publication: Bauru
    • Date published: 2004
  • Data da defesa: 12.02.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      NAHÁS, Ana Carla Raphaelli; HENRIQUES, José Fernando Castanha. Estudo cefalométrico das alterações dento-esqueléticas da má oclusão de Classe II, divisão 1 tratada com o aparelho de Herbst e com o aparelho extrabucal de tração occipital. 2004.Universidade de São Paulo, Bauru, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-08112007-150538/ >.
    • APA

      Nahás, A. C. R., & Henriques, J. F. C. (2004). Estudo cefalométrico das alterações dento-esqueléticas da má oclusão de Classe II, divisão 1 tratada com o aparelho de Herbst e com o aparelho extrabucal de tração occipital. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-08112007-150538/
    • NLM

      Nahás ACR, Henriques JFC. Estudo cefalométrico das alterações dento-esqueléticas da má oclusão de Classe II, divisão 1 tratada com o aparelho de Herbst e com o aparelho extrabucal de tração occipital [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-08112007-150538/
    • Vancouver

      Nahás ACR, Henriques JFC. Estudo cefalométrico das alterações dento-esqueléticas da má oclusão de Classe II, divisão 1 tratada com o aparelho de Herbst e com o aparelho extrabucal de tração occipital [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-08112007-150538/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020