Exportar registro bibliográfico

Tratamento da mordida aberta anterior com grade palatina e mentoneira:: Estudo dos efeitos dentoalveolares e tegumentares (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: TORRES, FERNANDO CESAR - FOB
  • Unidade: FOB
  • Sigla do Departamento: BAO
  • Assunto: MORDIDA ABERTA
  • Language: Português
  • Abstract: O propósito deste estudo clínico, prospectivo e randomizado foi avaliar cefalometricamente as alterações dentoalveolares e do perfil tegumentar, suscitadas pelo tratamento da mordida aberta anterior com a grade palatina e a mentoneira. Para tanto, foram selecionadas 60 crianças leucodermas, com trespasse vertical anterior negativo, com incisivos permanentes completamente erupcionados e relação molar de Classe I. A amostra foi dividida aleatoriamente em dois grupos de 30 pacientes, sendo um grupo experimental (Grupo 1), com idade média inicial de 8,33 anos, e um grupo controle (Grupo 2), com idade média inicial de 8,61 anos. O período de avaliação foi de 1 ano e correspondeu ao intervalo entre a tomada da primeira telerradiografia lateral (T1) e da segunda (T2). A terapêutica empregada no grupo experimental compreendeu o uso da grade palatina do tipo removível por período integral (exceto durante as refeições e higiene bucal) e a utilização da mentoneira para dormir, com uma força de 450 a 500g por lado, direcionada 45º acima do plano oclusal. A comparação das características iniciais entre os grupos evidenciou grande similaridade cefalométrica, sendo que os fatores idade, gênero e tempo de observação também foram semelhantes. Por meio do Teste "t" não pareado, a um nível de significância de 5% (p <0,05), comparou-se as alterações cefalométricas do grupo tratado com as do grupo controle. O desempenho da grade palatina mostrou-se bastante perceptível, uma vezque seus efeitos no segmento anterior, como a extrusão, a verticalização e a retrusão dos incisivos, foram estatisticamente significantes, sendo fundamentais para que houvesse a correção da mordida aberta anterior no grupo tratado. Porém, estes efeitos não se refletiram no perfil facial, uma vez que nenhuma das variáveis relacionadas ao tecido mole apresentou alterações com diferenças estatisticamente significantes. )Os resultados também permitiram concluir que os efeitos esperados de controle vertical pela mentoneira não ocorreram, não havendo diferenças estatisticamente significantes quanto ao nível de erupção dos molares ou quanto à altura facial ântero-inferior tegumentar
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 13.01.2005
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TORRES, Fernando César; ALMEIDA, Renato Rodrigues de. Tratamento da mordida aberta anterior com grade palatina e mentoneira:: Estudo dos efeitos dentoalveolares e tegumentares. 2005.Universidade de São Paulo, Bauru, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-16082005-091456/ >.
    • APA

      Torres, F. C., & Almeida, R. R. de. (2005). Tratamento da mordida aberta anterior com grade palatina e mentoneira:: Estudo dos efeitos dentoalveolares e tegumentares. Universidade de São Paulo, Bauru. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-16082005-091456/
    • NLM

      Torres FC, Almeida RR de. Tratamento da mordida aberta anterior com grade palatina e mentoneira:: Estudo dos efeitos dentoalveolares e tegumentares [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-16082005-091456/
    • Vancouver

      Torres FC, Almeida RR de. Tratamento da mordida aberta anterior com grade palatina e mentoneira:: Estudo dos efeitos dentoalveolares e tegumentares [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/25/25134/tde-16082005-091456/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021