Exportar registro bibliográfico

Carcinogênese pulmonar em camundongos portadores de deleção em um dos alelos do gene da Cx43 (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: AVANZO, JOSE LUIS - FMVZ
  • Unidade: FMVZ
  • Sigla do Departamento: VPT
  • Subjects: CARCINOGÊNESE ANIMAL; PULMÃO; INTERAÇÃO CELULAR
  • Language: Português
  • Abstract: As junções comunicantes são canais protéicos formados entre células adjacentes que permitem a passagem de moléculas e íons menores do que 1kDa; conexinas são proteínas que formam estas junções. Vêm sendo demonstradas na literatura a diminuição da capacidade de comunicação celular e alterações na expressão e/ou localização das conexinas em neoplasias. Este estudo foi realizado com o intuito de se verificar a influência da deleção de um dos alelos da Cx43 na carcinogênese pulmonar. Para tanto, camundongos geneticamente manipulados heterozigotos (Cx43+/-) ou selvagens (Cx43+/+) de ambos os sexos receberam 3g/kg de uretana aos 15 e 17 dias de idade, e foram sacrificados após 25 semanas. As quantificações macro e microscópicas das lesões revelaram que os camundongos Cx43+/- apresentaram maior multiplicidade de adenomas pulmonares. Estes apresentavam também maior taxa de proliferação celular, avaliada pela quantificação de núcleos positivos para o PCNA. As expressões das Cxs 26, 32, 43 e 46, presentes no epitélio pulmonar, foram avaliadas por PCR em tempo real (RT-PCR) e por imunoistoquímica. A expressão da Cx43 revelou-se cerca de 50% menor em camundongos Cx43+/- quando comparada à dos correspondentes Cx43+/+, como esperado. Estudos in vitro mostraram que os pneumócitos de tipo II (APTII) extraídos de camundongos Cx43+/-, apresentaram capacidade de comunicação menor do que os APTII de camundongos Cx43+/+. Quando submetidos ao tratamento com uretana, a expressão de Cx 43aumentou em 100% no tecido pulmonar. As demais Cxs tiveram a expressão reduzida pelo tratamento e não foram evidenciadas no epitélio pulmonar livre de lesões após o tratamento com uretana. Não foi detectada a expressão da Cx43 e da Cx32 nos adenomas provenientes dos camundongos Cx43+/-. A expressão das Cxs 26 e 46 foi correlacionada com o fenótipo papilífero das lesões. Constatou-se que a Cx32 acumulava-se no citoplasma das células epiteliais ) pulmonares e teve sua expressão, juntamente com a da Cx43, associada ao sexo, provavelmente contribuindo para a menor susceptibilidade das fêmeas aos adenomas induzidos pela uretana. Em conclusão, a redução da expressão da Cx43 conferiu maior susceptibilidade ao desenvolvimento de adenomas pulmonares pela uretana. Este foi o primeiro estudo in vivo mostrando a influência da deleção de um único alelo da Cx43 na carcinogênese
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 22.03.2005
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      AVANZO, José Luis; DAGLI, Maria Lúcia Zaidan. Carcinogênese pulmonar em camundongos portadores de deleção em um dos alelos do gene da Cx43. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-03102006-122736/ >.
    • APA

      Avanzo, J. L., & Dagli, M. L. Z. (2005). Carcinogênese pulmonar em camundongos portadores de deleção em um dos alelos do gene da Cx43. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-03102006-122736/
    • NLM

      Avanzo JL, Dagli MLZ. Carcinogênese pulmonar em camundongos portadores de deleção em um dos alelos do gene da Cx43 [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-03102006-122736/
    • Vancouver

      Avanzo JL, Dagli MLZ. Carcinogênese pulmonar em camundongos portadores de deleção em um dos alelos do gene da Cx43 [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/10/10133/tde-03102006-122736/


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021