Exportar registro bibliográfico

Controle de Blattella germanica (L.) com Metarhizium anisopliae e inseticidas reguladores de crescimento (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: LOPES, ROGERIO BIAGGIONI - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LEF
  • Subjects: BARATAS; CONTROLE BIOLÓGICO; CONTROLE QUÍMICO; FUNGOS ENTOMOPATOGÊNICOS; CONTROLE DE INSETOS; INSETICIDAS; ENTOMOLOGIA URBANA
  • Language: Português
  • Abstract: Avaliou-se o efeito de Metarhizium anisopliae e dos inseticidas triflumuron e pyriproxifen para adultos e ninfas de Blattella germanica, e a eficiência da associação desses agentes no controle de colônias da praga. Doses elevadas do patógeno ocasionaram altos índices de mortalidade de adultos e ninfas. Não foi observada mortalidade significativa para insetos que se alimentaram de iscas contaminadas com o patógeno. Adultos e ninfas expostos à superfície contaminada com o fungo na formulação pó (5%) apresentaram mortalidade de 93,7% e 82,3% após 9 dias da aplicação, respectivamente. As CL25 para ninfas tratadas com triflumuron e pyriproxifen foram de 0,19% e 0,45% de ingrediente ativo, respectivamente, para um período de alimentação de 72 horas na isca contaminada. Os inseticidas afetaram a produção de ootecas viáveis e o número de ninfas produzidas por ooteca. Após 60 dias, colônias de laboratório não tratadas apresentaram 6,55 vezes mais insetos em relação à população inicial, com uma média de 233,9 insetos. As colônias apresentaram crescimento menor quando submetidas aos inseticidas triflumuron e pyriproxifen, com 60,8 e 81 insetos em média, respectivamente. Os melhores resultados foram obtidos nos tratamentos em que os inseticidas foram associados ao patógeno, resultando populações de 41,8 e 57,7 insetos para triflumuron + M. anisolpiae e pyriproxifen + M. anisopliae, respectivamente. Duas aplicações associando-se o patógeno aos inseticidas namesma isca atrativa, em uma câmara de infecção, controlou totalmente uma população em campo. Insetos da criação infectados por Gregarina sp. mostraram-se mais sensíveis quando expostos a M. anisopliae e a triflumuron em relação a insetos sadios. Estudos mais detalhados sobre como os inseticidas podem interferir no processo de doença casusada pelo fungo no inseto, além de aspectos relacionados à formulação ) do micoinseticida e da sua contribuição na mortalidade de populações de B. germanica em campo são ainda necessários
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 14.04.2005
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LOPES, Rogério Biaggioni; ALVES, Sergio Batista. Controle de Blattella germanica (L.) com Metarhizium anisopliae e inseticidas reguladores de crescimento. 2005.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2005. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-03052005-153042/ >.
    • APA

      Lopes, R. B., & Alves, S. B. (2005). Controle de Blattella germanica (L.) com Metarhizium anisopliae e inseticidas reguladores de crescimento. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-03052005-153042/
    • NLM

      Lopes RB, Alves SB. Controle de Blattella germanica (L.) com Metarhizium anisopliae e inseticidas reguladores de crescimento [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-03052005-153042/
    • Vancouver

      Lopes RB, Alves SB. Controle de Blattella germanica (L.) com Metarhizium anisopliae e inseticidas reguladores de crescimento [Internet]. 2005 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11146/tde-03052005-153042/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020