Exportar registro bibliográfico

A magia no capítulo 35 do livro I do opus agriculture de paládio (2005)

  • Authors:
  • Autor USP: TOTTI, LUIS AUGUSTO SCHMIDT - FFLCH
  • Unidade: FFLCH
  • Sigla do Departamento: FLC
  • Subjects: MAGIA; AGRICULTURA (HISTÓRIA); RELIGIÃO
  • Language: Português
  • Abstract: Este trabalho consiste na análise do capítulo 35, livro I, do tratado agronômico Opus agriculturæ, escrito no século V d.C. por Paládio (Rutilius Taurus Aemilianus Palladius). Nesse capítulo o autor apresenta algumas receitas, denominadas remedia, para a proteção da propriedade rural e da horta contra pragas e fenômenos climáticos, como granizo e nevoeiros. Esta análise destaca três aspectos desses remedia recomendados por Paládio e é baseada em alguns dos principais estudos antropológicos publicados sobre magia, especialmente as teorias evolucionista (Edward Tylor e James Frazer), a corrente da antropologia social (Marcel Mauss) e a vertente funcionalista (Bronislaw Malinowski). As práticas mágicas são identificadas de acordo tanto com os princípios fundamentais da magia (similaridade, contigüidade e contrariedade), que regem o pensamento mágico, quanto com alguns elementos da simbologia mágica. Como o autor parece não distinguir magia e ciência, uma vez que ele apresenta juntas as duas espécies de receitas, a análise de alguns remedia enfatiza um estudo específico dos materiais e substâncias empregados nessas receitas e de sua validade para a Ciência hoje. Isso conduz às discussões de como o pensamento mágico funciona, quais são os limites (se é que eles realmente existem) entre Magia e Ciência e entre Magia e Religião. Para esta última oposição, uma investigação sobre a história das palavras 'mageia' e 'magia' na antiguidade greco-romana foi acrescentadoaos estudos feitos por Tylor, Frazer, Malinowski e Mauss. Este trabalho discorre sobre os assuntos acima e tem como objetivos: demonstrar as características que autorizam a classificar os remedia descritos por Paládio como magia popular; identificar as relações existentes entre esse tipo de prática e formas mais complexas de )magia, assim como com a religião e a ciência; demonstrar a contribuição da magia popular na agricultura da Roma antiga para a formulação de critérios mais apropriados de avaliação da magia em comparação aos pensamentos religioso e científico
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 01.03.2005

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TOTTI, Luis Augusto Schmidt; BRAREN, Ingeborg. A magia no capítulo 35 do livro I do opus agriculture de paládio. 2005.Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.
    • APA

      Totti, L. A. S., & Braren, I. (2005). A magia no capítulo 35 do livro I do opus agriculture de paládio. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Totti LAS, Braren I. A magia no capítulo 35 do livro I do opus agriculture de paládio. 2005 ;
    • Vancouver

      Totti LAS, Braren I. A magia no capítulo 35 do livro I do opus agriculture de paládio. 2005 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020