Exportar registro bibliográfico

Uso do gene XyIA - Xilose Isomerase como agente de seleção na transformação genética de citros (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, GUSTAVO ALVES - ESALQ
  • Unidade: ESALQ
  • Sigla do Departamento: LPV
  • Subjects: AGROBACTERIUM; BIOTECNOLOGIA DE PLANTAS; GENES; LARANJA; MELHORAMENTO GENÉTICO VEGETAL; PLANTAS TRANSGÊNICAS; PLASMÍDEOS; DNA
  • Language: Português
  • Abstract: O melhoramento genético das plantas cítricas, pelos métodos tradicionais, é dificultado por uma série de características da biologia de reprodução da espécie. Assim a utilização de técnicas modernas de biotecnologia, como a cultura de tecidos, a manipulação genética e a biologia molecular, têm se mostrado atrativas para o melhoramento genético da cultura. O objetivo deste trabalho é avaliar a transformação genética em variedades de laranja doce (Citrus sinensis) usando o gene xylA como gene de seleção. O trabalho foi realizado com a estirpe EHA 101 de Agrobacterium tumefaciens, contendo o plasmídeo pNOV1457, com o gene xylA. Os isolados da bactéria foram mantidos em meio de cultura YEP suplementado com os antibióticos (ácido nalidíxico, canamicina e estreptomicina). Segmentos de epicótilo foram incubados, por um período de 20 minutos, com a suspensão bacteriana. Após a inoculação, os segmentos foram secos em papel toalha estéril, e incubados em placa de petri (100 x 15 mm) contendo o meio de cultura EME + BAP (1 mg.L-1), em ausência de luz, à temperatura de 24 C, por um período de 3 dias, com acetoseringona e sem acetoseringona durante o cocultivo. Após o co-cultivo, os explantes foram transferidos para meio de cultura de seleção e regeneração, constituído do meio de cultura EME + BAP (1 mg.L-1) + cefotaxime (500 mg.L-1) + xilose (15 mg.L-1). A transformação genética foi confirmada pela detecção do gene xylA nas plantas regeneradas por PCR. A extração do DNA foi feitapelo método de Dellaporta et al. (1983) e as reações de PCR foram conduzidas em termociclador PTC-100 (MJ Research) utilizandose "primers" específicos para detecção do gene xylA. Analisando os dados obtidos verificou-se que foram obtidas plantas transgênicas, utilizando-se o sistema xylA/xilose, de 3 variedades de laranja doce Hamlin, Valência e Natal, com uma eficiência de ) transformação genética variando de 1 - 3%, em função do experimento e da variedade. A atividade da enzima xilose isomerase foi confirmada pelo teste clorofenol vermelho. Esse trabalho concluiu que é possível a regeneração de plantas transgênicas de variedades de laranja doce utilizando-se o sistema de seleção positiva xylA/xilose.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.12.2004
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Gustavo Alves; MENDES, Beatriz Madalena Januzzi. Uso do gene XyIA - Xilose Isomerase como agente de seleção na transformação genética de citros. 2004.Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2004. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-14012005-102524/ >.
    • APA

      Pereira, G. A., & Mendes, B. M. J. (2004). Uso do gene XyIA - Xilose Isomerase como agente de seleção na transformação genética de citros. Universidade de São Paulo, Piracicaba. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-14012005-102524/
    • NLM

      Pereira GA, Mendes BMJ. Uso do gene XyIA - Xilose Isomerase como agente de seleção na transformação genética de citros [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-14012005-102524/
    • Vancouver

      Pereira GA, Mendes BMJ. Uso do gene XyIA - Xilose Isomerase como agente de seleção na transformação genética de citros [Internet]. 2004 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/11/11136/tde-14012005-102524/

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021