Exportar registro bibliográfico

Estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns aminoácidos. Modulação da atividade de diferentes fosfolipases A2 botrópicas pela crotapotina (2004)

  • Authors:
  • Autor USP: CECCHINI, ALESSANDRA LOURENÇO - FCFRP
  • Unidade: FCFRP
  • Sigla do Departamento: 602
  • Assunto: TOXICOLOGIA
  • Language: Português
  • Abstract: A crotoxina, o principal componente da peçonha da cascavel Sul-Americana (Crotalus durissus terrífícus) possui atividades neurotóxica, miotóxica e hemolítica. Esta toxina é constituída por duas subunidades, uma proteína básica, a fosfolipase ‘A IND.2’ (‘PLA IND.2’ ou CB), tóxica e enzimaticamente ativa, e uma proteína ácida chamada crotapotina (CA), não tóxica. As duas subunidades da crotoxina agem de forma sinérgica. Apesar de não ser tóxica, a CA inibe a atividade enzimática e aumenta a letalidade da CB quando associadas. CA mostra homologia com fosfolipases ‘A IND.2’ de veneno de Crotalidae, sugerindo que a mesma deriva de um precursor molecular de fosfolipases. Estudos prévios mostram que a CA possui atividade inibitória sobre processos inflamatórios induzidos por ‘PLA IND.2’ de venenos de serpentes. Objetivando o estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns resíduos de aminoácidos, bem como a modulação da atividade de diferentes ‘PLA IND.2’ botrópicas pela crotapotina, utilizamos ‘PLA IND.2’s Asp49 e Lys49 de serpentes de espécies diferentes: Bothrops moojení (Lys49-MjTX-II), Bothrops jararacussu (Lys49-BthTX-I e Aps49-BthTX-II), Bothrops pírajaí (Lys49-PrTX-I e Asp49-PrTX-III). Os resultados obtidos mostram que a crotoxina e a CB inibem significativamente o crescimento bacteriano. A pré-incubação de CA com crotoxina causou uma redução significativa e dose-dependente da atividade antibacteriana da crotoxina.A CB sofreu modificações químicas nos resíduos de His, Lys, Tyr e Trp, as quais levaram a redução da atividade enzimática em aproximadamente 50% para todos os aminoácidos, exceto para a His, que aboliu completamente este efeito. Observou-se 50% de diminuição de edema para a modificação nos aminoácidos His e Lys, não havendo porém, qualquer alteração para os demais resíduos. Resultado semelhante foi obtido nos ensaios de miotoxicidade. Os ... mesmos ensaios foram realizados com a mistura de CB modificada e CA nativa e os resultados obtidos sugerem que as alterações químicas em CB interferiram com a formação do complexo crotoxina. As modificações químicas (His, Tyr e Lys) não influenciaram a capacidade de formação do complexo crotoxina, evidenciado pela medida da atividade fosfolipásica indireta, onde crotoxina e CB+CA modificada apresentaram os mesmos valores. A CA inibe significativamente os efeitos edematogênico e miotóxico induzidos pelas ‘PLA IND. 2’s botrópicas. Esta atividade inibitória pode estar relacionada à inibição, por CA, da desgranulação de mastócitos como observado nos ensaios que BthTX-I e II na presença de CA. Os ensaios de FT-IR corroboram a hipótese de interação entre as proteínas CA e ‘PLA IND.2’s. As análises feitas com as ‘PLA IND.2’s previamente incubadas com CA mostram que as radiações de certos grupamentos iônicos e lipofílicos são alterados, o que pode ser indicativo da formação de complexo. Estes resultadosconfirmam que as atividades biológicas das ‘PLA IND.2’s botrópicas podem ser moduladas pela crotapotina, através da redução dos efeitos deletérios provocados pelas miotoxinas. A crotoxina inibe a captação de GABA, L-Glu e Dopamina de forma significativa, concentração e tempo dependentes. Esta inibição parece não ocorrer através dos transportadores de GABA ou L- Glu expressos em células COS-7 e em oócitos, mas sim por uma perturbação do potencial de membrana, como evidenciado nas imagens da microscopia confocal, realizada em células de glioma C6. Estas ações e interações que alteram efeitos tóxicos fazem de venenos e seus constituintes um atrativo para o desenvolvimento de agentes terapêuticos ou ferramentas no estudo de alvos moleculares presentes em estados fisiológicos ou patológicos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 15.10.2004

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      CECCHINI, Alessandra Lourenço; BRAGA, Eliane Candiani Arantes. Estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns aminoácidos. Modulação da atividade de diferentes fosfolipases A2 botrópicas pela crotapotina. 2004.Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2004.
    • APA

      Cecchini, A. L., & Braga, E. C. A. (2004). Estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns aminoácidos. Modulação da atividade de diferentes fosfolipases A2 botrópicas pela crotapotina. Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto.
    • NLM

      Cecchini AL, Braga ECA. Estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns aminoácidos. Modulação da atividade de diferentes fosfolipases A2 botrópicas pela crotapotina. 2004 ;
    • Vancouver

      Cecchini AL, Braga ECA. Estudo das atividades biológicas da crotoxina e suas subunidades após modificação química de alguns aminoácidos. Modulação da atividade de diferentes fosfolipases A2 botrópicas pela crotapotina. 2004 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021